???global.info.a_carregar???
Teresa Mora teaches Sociology at the Department of Sociology of the University of Minho and is researcher at the Interdisciplinary Centre of Social Sciences (CICS.UMinho) She has been studying in the field of Utopian Studies. It started in 1995 with a path of reflection on the scientific status of sociology. Doctoral dissertation (2006) is distinguished from a normative vision of scientific knowledge based on the assumption of rupture between his methodical and discursive procedures and those that configure the utopian mode of knowledge. This epistemological positioning resulted, among others, in the following publications: Mora, T. (2013), “Classics of Sociology and Modern Social Utopias: Displacing Knowledge Boundaries” in Jorge Bastos da Silva (ed.), The Epistemology of Utopia: Rhetoric , Theory and Imagination, Newcastle upon Tyne, Cambridge Scholars Publishing, pp. 65-79; Mora, T. (2009), Viagem, Utopia e Insularidade: narrativas fundadoras da ciência e da sociedade moderna, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian/Fundação para a Ciência e a Tecnologia. Since 2013, T. Mora guided the investigation towards the study of the uses and meanings that the term “utopia” increasingly assumes, in the current Western context, both in scientific-social and philosophical productions as well as in artistic productions. She is currently investigating collaborative practices between art, science and philosophy, and artistic practices of participation and social intervention, resulting in the following publications, among others: Mora, T. (2017).“A atualidade política da ‘utopia’”. In D. Tavares, D. Oliveira , L.P. Lopes, O. Grossegesse, C. Flores, M. Ramon (Eds.), Outros lugares: utopias, distopias, heterotopias (185-212). V.N. Famalicão: Edições Húmus; Mora, T. (2017). House on fire: a political and collaborative art case. Revista Comunicação e Sociedade - Comunicação e Arte, 31: 149-163; Mora, T. (2018). Cuidados com o mundo e aproximações arte-ciência. In S. Gomes, V. Duarte, F.B. Ribeiro, L. Cunha, A. Brandão, A. Jorge (Org.), Desigualdades sociais e políticas públicas. Homenagem a Manuel Carlos Silva (595-603). V. N. Famalicão: Edições Húmus.
Identificação

Identificação pessoal

Nome completo
Teresa Mora

Nomes de citação

  • Mora, Teresa

Identificadores de autor

Ciência ID
FC19-60F6-9994

Domínios de atuação

  • Ciências Sociais - Outras Ciências Sociais
  • Humanidades - Filosofia, Ética e Religião
  • Humanidades - Artes
  • Humanidades - Línguas e Literaturas

Idiomas

Idioma Conversação Leitura Escrita Compreensão Peer-review
Português Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1)
Espanhol; Castelhano Utilizador elementar (A1) Utilizador elementar (A1) Utilizador elementar (A1) Utilizador elementar (A1)
Francês Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1)
Inglês Utilizador elementar (A1) Utilizador independente (B1) Utilizador elementar (A1) Utilizador elementar (A1)
Formação
Grau Classificação
1999 - 2006
Concluído
Sociologia (Doutoramento)
Universidade do Minho, Portugal
"Viagem, Utopia e Insularidade. Narrativas fundadoras da ciência e da sociedade moderna" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Por unanimidade
2006
Concluído
n/a (Doutoramento)
Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais, Portugal
"Viagem Utopia e Insularidade: narrativas fundadoras da ciência e da sociedade moderna" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovada por unanimidade (approved by unanimous)
1981 - 1989
Concluído
Sociologia (Licenciatura)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Portugal
16 valores
Percurso profissional

Docência no Ensino Superior

2006/09 - Atual Professor Auxiliar (Docente Universitário)
Universidade do Minho, Portugal
1995/05/28 - 2006/09/27 Assistente (Docente Universitário)
Universidade do Minho, Portugal
1990/10/15 - 1995/09/27 Assistente Estagiário (Docente Universitário)
Universidade do Minho, Portugal

Cargos e Funções

2019/06 - Atual Diretora da Licenciatura em Sociologia
Universidade do Minho - Instituto de Ciências Sociais - Departamento de Sociologia, Portugal
2019/11 - 2019/11 Coordenadora de Comissão para elaboração de proposta de alteração da Licenciatura em Sociologia, Departamento de Sociologia Universidade do Minho, submetida à A3ES em novembro de 2019
Universidade do Minho - Instituto de Ciências Sociais - Departamento de Sociologia, Portugal

Outros

1985 - 1986 Bolseira no âmbito da Tese de Licenciatura “Estado, Novas Tecnologias na Educação e Desenvolvimento Societal: estudo de caso sobre o Projecto MINERVA”, sob a orientação Prof. Franz-Wilhelm Heimer
JNICT - Junta Nacional de Investigação Científica e Tecnológica, Portugal
Projetos

Projeto

Designação Financiadores
2016 - 2020/03/31 “Modos de vida e formas de habitar: ilhas e bairros populares no Porto e em Braga”
PTDC-SOC/4243/2014
Investigador
Universidade do Minho, Portugal
Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Produções

Publicações

Artigo em revista
  1. Mora, Teresa. "Arte e comunidade em Esposende". Configurações 22 (2018): 50-69.
    Publicado
  2. Mora, Teresa. "House on Fire: um caso de arte política e colaborativa". (2017): https://revistacomsoc.pt/article/view/780.
  3. Mora, Teresa. "House on Fire: a political and collaborative art case". (2017): https://revistacomsoc.pt/article/view/781.
  4. Mora, Teresa. "Verdade, descoberta e consequência nos relatos de viagem utópicos: o jogo de prefação". Dedalus 14-15 (2013): 103-116.
    Publicado
  5. Helena Pires; Mora, Teresa. "Pierre – devenir – végétation: les maisons de Manuel Sendón". Sociétés, Revue des Sciences Humaines et Sociales 120 (2013): 71-79.
    Publicado
  6. Mora, Teresa; Pires, Helena. "Pierre-devenir-végétation : Les maisons de Manuel Sendón". (2013): http://hdl.handle.net/1822/26063.
  7. Mora, Teresa. "A viagem e a utopia na arquitectura social da razão". Morus – Utopia e Renascimento 7 (2010): 155-178.
    Publicado
  8. Mora, Teresa. "Viaje, utopía y insularidad en el Discurso del método de Descartes". Viajes, literatura y pensamiento 18 (2009): 113-129.
    Publicado
Capítulo de livro
  1. Mora, Teresa. "Smart cities, creative cities, transitions towns e slow cities: os nomes que chamamos às cidades e o que podemos fazer com eles". In Desenvolvimento, Direitos Humanos e Segurança. Lisboa, Portugal: Edições CICS.NOVA, 2019.
    No prelo
  2. Mora, Teresa. "Cuidados com o mundo e aproximações arte-ciência". In Desigualdades sociais e políticas públicas. Homenagem a Manuel Carlos Silva, 595-603. V. N. de Famalicão, Portugal: Edições Húmus, 2018.
    Publicado
  3. Mora, Teresa. "A atualidade política da ‘utopia’". In Outros lugares: utopias, distopias, heterotopias, 185-212. V. N. Famalicão, Portugal: Edições Húmus, 2017.
    Publicado
  4. Mora, Teresa. "Classics of Sociology and Modern Social Utopias: Displacing Knowledge Boundaries". In The Epistemology of Utopia: Rhetoric, Theory and Imagination, 65-79. Newcastle upon Tyne, Reino Unido: Cambridge Scholars Publishing, 2013.
    Publicado
  5. Helena Pires; Mora, Teresa. "Paisagens urbanas e fotografia: (não)lugares, imagens e ancoragem". In Estética, Cultura Material e Diálogos Intersemióticos, 219-240. Vila Nova de Famalicão, Portugal: Edições Húmus, 2012.
    Publicado
  6. Mora, Teresa. "Le langage spatial de la raison utopique chez René Descartes et Francis Bacon". In Geographiae Imaginariae, Dresser le cadastre des mondes inconnus dans la fiction narrative de l’Ancien Régime, 359-376. Laval, França: Les Presses de l’Université Laval/ Éditions du CIERL, 2011.
    Publicado
  7. Mora, Teresa. "O véu territorial da razão e o corpo como natureza-morta". In Geografias do Corpo – ensaios de geografia cultural, 165-186. Lisboa e Porto, Portugal: Figueirinhas, 2009.
    Publicado
Edição de livro
  1. Ana Francisca de Azevedo; Miguel Sopas Bandeira; Helena Pires; Mora, Teresa. Jardins-Jardineiros-Jardinagem (no prelo). Braga, Portugal: CECS /CICS/LASICS. 2014.
  2. Mora, Teresa; Helena Pires. Encontro de Paisagens. Braga, Portugal: CECS /CICS/LASICS. 2012.
Livro
  1. Pires, Helena; Mora, Teresa; Azevedo, Ana Francisca de; Bandeira, Miguel Sopas de Melo. Jardins - Jardineiros - Jardinagem. Universidade do Minho. Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS). 2014.
  2. Universidade do Minho. Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS); Pires, Helena; Mora, Teresa. Encontro de paisagens. Universidade do Minho. Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS). Universidade do Minho. Centro de Investigação em Ciências Sociais (CICS). 2012.
  3. Mora, Teresa. Viagem, Utopia e Insularidade: narrativas fundadoras da ciência e da sociedade moderna. Lisboa, Portugal: Fundação Calouste Gulbenkian (FCL) - Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT). 2009.
    Publicado

Outros

Outra produção
  1. Mora, Teresa; Rayner, Francesca; Azevedo, Natália. 2018. Configurações [N.º 22 (dez. 2018)]: Arte política e social: discursos e práticas. Tem sido prática da revista Configurações entrecruzar contributos provenientes das várias ciências sociais. O número 22 traz aos leitores um conjunto de artigos que resultam, também, e sobretudo, da opção de abrir o tema da arte política e social aos estudos artísticos. Desde o final dos anos 1990, no contexto mundial, e em particular na Europa, a arte política tem vindo a reavivar-se enquanto dis. http://hdl.handle.net/1822/58526.
    10.4000/configuracoes.6253
Atividades

Participação em evento

Descrição da atividade
Tipo de evento
Nome do evento
Instituição / Organização
2019/11/14 - 2019/11/15 Residência NIEP "Potências e Resistências: A Investigação em artes performativas" (participação como colaboradora) em "residência que teve como objetivo discutir o tema da Investigação em Artes Performativas, nomeadamente os seus desafios, oportunidades e disrupções.
Seminário
Residência NIEP - "Potências e Resistências: A Investigação em artes performativas"
Espaço Mala Voadora, Portugal
2019/01/25 - 2019/01/25 "Linhas de re-com-posição entre ciência, arte e utopia" (comunicação) - Seminário do GIEP – Grupo de Investigação em Estudos Performativos (T. Mora)
Seminário
Seminário do GIEP – Grupo de Investigação em Estudos Performativos – CEHUM, Universidade do Minho, Guimarães.
GIEP - CEHUM, Portugal
2018/07/10 - 2018/07/12 "Arte em comunidade: AMAReMAR em Esposende" (comunicação e participação): "(...) AMAReMAR foi criado em 2016 pelos seus coordenadores artísticos como uma prática de “arte e comunidade”, enquadrado pelo poder municipal como um meio de “promover o espírito da inclusão social através de práticas artísticas”, principalmente, junto dos residentes de Sucupira e Lagoa, dois bairros do sul de Esposende. Propomo-nos apresentar os resultados de uma investigação qualitativa, focalizada na oficina de teatro." (Ana F. Oliveira e T. Mora)
Congresso
X Congresso Português de Sociologia: " Na era da “pós-verdade”? Esfera pública, cidadania e qualidade da democracia no Portugal contemporâneo"
APS - Associação Portuguesa de Sociologia, Portugal

Universidade da Beira Interior, Portugal
2018/06/14 - 2018/06/15 "Flush: um exercício de decomposição da ciência instituída" (comunicação e participação): " Flush – uma biografia (1933) pode ler-se a partir de um ponto de vista socio-lógico. O cão encenado por Virginia Woolf, num percurso (de vida) entre 1842 e cerca de 1852, vê o mundo a partir da categoria do “social” (ou relacional), passa por diversos contextos sócio-espaciais (em Londres, em Pisa), observa-os, re-sente-os e pensa-os reflexivamente. O cão de Woolf revela-se lúcido acerca das condições do (seu) processo de conhecimento (...)" (T. Mora)
Congresso
Colóquio Internacional “Cães e Imaginário. Literatura, cinema, banda desenhada"
2016/11/17 - 2016/11/18 "A contemporaneidade política da palavra utopia" (comunicação/participação): "(...) Assistimos desde a primeira década do século XX a um crescendo de usos da palavra utopia, tanto em produções científicas e filosóficas como em produções artísticas. É meu objetivo apresentar um conjunto diverso de usos da palavra “utopia” através dos quais esta nem sempre é convocada como “uma ferramenta crítica para olhar o presente” (Oudenampsen)' (...)" (T . Mora)
Congresso
XVII Colóquio de Outono, Outros lugares: utopias, distopias, heterotopias
CEHUM - Universidade do Minho, Portugal
2016/07/06 - 2016/07/08 “The individual and the common: arte política e crítica social” (comunicação e participação): Sendo a problematização da relação individual-comum central nas teorias sociológicas, e estando, desde final da década de 90, a ser reavivada, no pensamento crítico contemporâneo, a sua assunção na programação da rede de teatros House on Fire permite explorar similitudes autorais e conceptuais entre as problemáticas de crítica social aí identificadas e eventuais repertórios de ação discursiva provenientes da cultura científico-filosófica". (T- Mora)
Congresso
IX Congresso Português de Sociologia, “Portugal, território de territórios"
APS - Associação Portuguesa de Sociologia, Portugal

Faculdade de Economia da Universidade do Algarve, Portugal
2016/07/06 - 2016/07/08 "Modelos de cidade: entre a provação da urbanidade e a moda dos panegíricos?" (comunicação e participação): "Com inspiração na distinção conceptual entre a cidade no seu “valor de uso” – de invólucro da vida – e a cidade subordinada ao “valor de troca” (na acepção de Henri Lefebvre), proponho-me identificar e comparar os modelos de cidade para os quais nos reenviam os conceitos de cidade inteligente, criativa, sustentável, em transição e lenta, analisando-os na sua (des)continuidade face a dois modelos de mudança, incremental e crítica". (T Mora)
Congresso
X Congresso Português de Sociologia
APS - Associação Portuguesa de Sociologia, Portugal
2016/06/02 - 2016/06/04 “Em Reunião: Cenários de Colaboração da Prática Artística com a Prática Científico-Social” (comunicação e participação) (T. Mora)
Congresso
VI Congresso da Associação Portuguesa de Antropologia - Futuros Disputados
APA - Associação Portuguesa de Antropologia, Portugal
2016/01/20 - 2016/01/20 “Cidades e comunidades sustentáveis” -participação em mesa redonda. (T. Mora)
Conferência
“Agenda 2030 – objetivos do desenvolvimento sustentável: novos e emergentes”, Ciclo de Conferências
CICS.Nova .Évora - Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais, Portugal

Universidade de Évora, Portugal
2014/07/26 - 2014/07/26 “Transposing the mainstream cut between sociology and utopia” (comunicação e participação) (T. Mora)
Congresso
Symposium Logique et Utopie
Fondation Maison des Sciences de l’Homme, França
2014/04/10 - 2014/04/10 "De Lefebvre à Mouraria: o valor de mediação da arte na transformação do lugar” (comunicação) (T. Mora)
Seminário
1º Seminário Internacional de Habitação Básica
LAHB Social e CICS-Universidade do Minho, Portugal
2013/12/14 - 2013/12/15 "Estudo de teoria social contemporânea: concepções e usos da noção de utopia na reflexão sobre a condição futura da sociedade ocidental" (comunicação e participação): " (...) A proposta contida nesta comunicação é acerca de textos que reflectem sobre a condição futura da sociedade ocidental e procura dar a pensar e pesar alguns dos contornos conceptuais, argumentos teóricos e (de)marcações políticas que sustentam o que parece ser o crescente recurso à noção de “utopia” na teoria social contemporânea." (T- Mora)
Congresso
Primeiro Congresso Pensamento Crítico Contemporâneo
Unipop e Imprópria, Portugal
2013/12/05 - 2013/12/05 "Encruzilhadas: que desafios temáticos, teóricos e metodológicos enfrenta hoje a sociologia das artes e da cultura?" comunicação e participação no 1º Encontro da Secção Arte Comunicação e Cultura , “INTERFACES. Trajetos e perspetivas da sociologia das artes e da cultura em Portugal”, com o objetivo de se reflectir sobre os "desafios temáticos, teóricos e metodológicos [que] enfrenta hoje a sociologia das artes e da cultura". (T. Mora)
Encontro
1º Encontro da Secção Arte Comunicação e Cultura , INTERFACES. Trajetos e perspetivas da sociologia das artes e da cultura em Portugal
Secção Arte, Cultura e Comunicação da Associação Portuguesa de Sociologia (APS), Portugal
2013/02/28 - 2013/03/01 "Ciência e utopia: o lugar da viagem na exploração do possível" (comunicação e participação): a presença comum ao século XVII do motivo da viagem em narrativas fundadoras da ciência (de R. Descartes e de F. Bacon) e em narrativas utópicas (de G. de Foigny e de D.Veiras) será perspectivada numa dupla valência – como percurso e enquanto discurso de conhecimento –, sendo, por conseguinte, equacionada com base no pressuposto de identificação do sujeito de conhecimento com a figura do viajante (...)." (T. Mora)
Conferência
O imaginário das viagens. Literatura, Cinema, Banda Desenhada
CEHUM- Centro de Estudos Humanísticos- Universidade do Minho, Portugal
2012 - 2012 "Pedra-devir-vegetação: as casas de Manuel Sendón" (comunicação) (H. Pires; T. Mora)
Conferência
Colóquio Nom-lieux du paysage – représentations, images, discours sur le paysage en Europe
CHAIA- Universidade de Évora, Portugal
2012 - 2012 "Objectos irrequietos e imagens que a história fixou na obra de Joana Vasconcelos" (comunicação e participação): "(...) um percurso pelo trabalho de J. Vasconcelos como texto (sobre e de). Orientam-no três eixos: identificar o(s) sentido(s) que J. Vasconcelos tem vindo a atribuir à(s) sua(s) obra(s); confrontá-lo(s) com as ideias que têm sido investidas nas diversas leituras sobre a(s) mesma(s); e estimar a reinscrição do seu trabalho nesse fio temporal de intertextualidade." (T. Mora)
Congresso
VII Congresso Português de Sociologia – Sociedade, Crise e Reconfigurações
APS - Associação Portuguesa de Sociologia, Portugal
2011/11/17 - 2011/11/19 "Paisagens urbanas e fotografia: (não)lugares, imagens e ancoragem" (comunicação e participação): "(...) This paper aims to analyse the work of two Portuguese photographers, Pedro Negreiros and Tiago Silva Nunes, exhibited in Encontros da Imagem (Meeting of Images) exhibition, which took place in Braga 2011, with the general theme «Transmutações da Paisagem» («Transmutation of Landscape»). In both cases, a paradigmatic referential city - Paris in one case and London in the other - is assumed." (H. Pires; T. Mora)
Conferência
XIII Colóquio de Outono 2011 Estética, Cultura Material e Diálogos Intersemióticos
CEHUM - Universidade do Minho, Portugal
2011/09/27 - 2011/09/28 "Houses" (comunicação e participação): "(...)we intend to take as object of analysis “Casas Doentes” (“Ailing Houses”), the work of the photographer Manuel Sendón exhibited in Encontros da Imagem, with the general theme “Transmutações da Paisagem” (“Transmutation of Landscape”). This series of photographs allows us to raise the following question: In what way houses can be configured by these images as places of memories that confront us with the lost or deterioration of certain socio-spatial ways of life? (H. Pires; T. Mora)
Congresso
European Regional Congress 2011 of Visual Semiotics - Semiotics of Space /Spaces of Semiotics
AISV-IAVS - Associação Internacional de Semiótica Visual, Portugal
2010/09/23 - 2010/09/25 Verdade, descoberta e consequência nos relatos de viagem utópicos: o jogo de prefação (comunicação e participação): " (...)uma leitura comparativa de três narrativas utópicas cujo referente geográfico comum é a terra australis incógnita - La Terre Australe connue (G. de Foigny), L’Histoire des Sévarambes (D. Veiras) e Voyages et avantures de Jaques Massé (S. T. de Patot -, focalizada num pacto de leitura por meio do qual o leitor é convocado a entrar no jogo de legitimação científica de um relato de viagem utópico." (T. Mora)
Conferência
International Conference on Cross, Travelling – Mobility and Transferences
Universidade de Lisboa – CEC (Centro de Estudos Comparatistas) e Universidade da Madeira, Universidade da Madeira, Portugal
2010/07/18 - 2010/07/22 Picturing contemporary landscape: research through Augusto Alves da Silva’s gaze (comunicação e participação): " (...) Paisagens Inúteis (Useless Landscapes) is the particular project that we propose to analyse. Our aim is to discuss the way social underlying codes are staged by these pictures, from one side, and the way its assumed non-submissive nature is instigated, from the other. In doing so, we suggest that landscape is notoriously difficult to define, despite its commonly recognized spatial nature." (H. Pires; T. Mora)
Conferência
2010 IAMCR Conference, “Communication and Citizenship
IAMCR, Portugal
2009/07/01 - 2009/07/04 Classics of sociology and modern social utopias : displacing knowledge boundaries (comunicação e participação): " (...)The relationship between theoretical society models and literary utopian societies continues to deserve scarce attention from mainstream sociology. Nevertheless, utopian and scientific knowledge have in common a strong rationality. This convergence can be observed in the methodological procedures used in the discursive construction of a social order. My aim is to present this argument, analyzing spatial categories." (T. Mora)
Conferência
10th International Conference of The Utopian Studies Society/Europe, Far other Worlds and other Seas”
The Utopian Studies Society Europe, Portugal
2008/10/02 - 2008/10/04 Le langage spatial de la raison utopique chez René Descartes et Francis Bacon (comunicação e participação):
Conferência
XXII Collloque International de la SATOR, Géographie imaginariae: dresser le cadastre des mondes inconnus dans la fiction narrative de l’ Ancien Regime
SATOR (Société d’Analyse de la Topique Romanesque), Canadá
2007/10/22 - 2007/10/24 "Viagem, Utopia e Insularidade no Discurso do Método de Descartes" (comunicação e participação) (T. Mora)
Encontro
XVI Jornadas de Filosofia Filosofía y Viajes
Facultad de Filosofia y Letras da Universidad de Valladolid, Espanha
2007/10/22 - 2007/10/24 "Viagem, Utopia e Insularidade no Discurso do Método de Descartes" (comunicação e participação): " O Discurso do Método (1637) de R. Descartes, tratado “fundador” do racionalismo moderno, referência incontornável do caminho que conduz ao “verdadeiro” conhecimento, é uma obra à qual nos habituámos a conceder o estatuto inquestionável de discurso científico. Porém, a sua re-leitura permite evidenciar que a edificação do conhecimento científico nos reenvia a um imaginário social da ciência que apresenta traços de uma construção utópica." (T. Mora)
Congresso
XVI Jornadas de Filosofía Y viajes
Facultad de Filosofia y Letras da Universidad de Valladolid, Espanha
2004/05 - 2004/05 "O Discurso do Método de Descartes: ‘Uma história ou, se preferirdes, uma fábula’?’" (comunicação e participação) (T. Mora)
Congresso
V Congresso Nacional de Sociologia, Sociedades Contemporâneas. Reflexividade e Acção
APS - Associação Portuguesa de Sociologia, Portugal
1996 - 1996 "Sociologie et utopie, la valeur cognitive de l’idéalisation utopique dans les processus de construction du sens sociologique" (comunicação e participação) (T- Mora)
Congresso
XV Congrès Internacional de l’Association Internacionale des Sociologues de Langue Française
AISLF - Association Internacionale des Sociologues de Langue Française, Portugal
1985 - 1985 "Zé Povinho, símbolo vivo do caricaturismo político" (comunicação e participação) (T. Mora: M. Ramos)
Congresso
5ª Jornadas de Comunicação do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES) - ISCTE

Arbitragem científica em conferência

Nome da conferência Local da conferência
2019 - 2019 Livro de Atas do Colóquio Marx 2018 Braga, Universidade do Minho

Arbitragem científica em revista

Nome da revista (ISSN) Editora
2019 - 2019 Configurações (2182-7419) OpenEdition
2019 - 2019 Diacrítica (2183-9174) University of Minho
2019 - 2019 Working Papers ComTextos (2182-7672) Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA-UMinho

Membro de associação

Nome da associação Tipo de participação
Atual Associação Portuguesa de Sociologia