???global.info.a_carregar???
Luís Miguel Loureiro concluiu Doutoramento em Ciências da Comunicação, especialização em Sociologia da Comunicação e da Informação pela Universidade do Minho, em 2012. Licenciou-se em Bioquímica pela Universidade de Coimbra em 1992. Foi jornalista da RTP, durante 24 anos, depois de iniciar a carreira, em 1992, na Rádio Nova (Porto), tendo ainda passado pela redação da Rádio Comercial. Na RTP, desempenhou as funções de jornalista de investigação e grande repórter. Foi Professor da Universidade Lusófona do Porto entre 2012 e 2021, tendo dirigido a licenciatura em Ciências da Comunicação e o mestrado em Comunicação Redes e Tecnologias. Foi ainda membro do corpo docente dos Doutoramentos em Estudos em Comunicação para o Desenvolvimento e em Arte dos Media. Investigador do CICANT entre 2013 e 2021, passou a integrar o Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho em final de 2021. É co-autor de dois livros científicos, publicou 15 artigos em revistas especializadas, produziu 9 capítulos para livros científicos e tem 7 trabalhos em actas de congressos internacionais. Fez parte da Comissão Organizadora de um congresso internacional (II Congresso Internacional de Net Ativismo) e da Comissão Científica de dois (CIAIQ 2015 e International Seminar Network Activism and Collaborative Platforms 2021). Participou em 26 júris de provas académicas de doutoramento, provas intercalares de doutoramento e júris de mestrado. É autor de várias comunicações em congressos nacionais e internacionais de Ciências da Comunicação. Recebeu 3 prémios de jornalismo, uma distinção de mérito académico e uma distinção de mérito cultural. Investiga nas áreas das Ciências da Comunicação, Jornalismo, Sociologia dos Media, Redes Digitais e Cultura Visual.
Identificação

Identificação pessoal

Nome completo
Luís Miguel Nunes da Silva Loureiro

Nomes de citação

  • Loureiro, Luís M.

Identificadores de autor

Ciência ID
2B12-9137-B7FD
ORCID iD
0000-0003-3201-8013
Scopus Author Id
https://www.scopus.com/authid/detail.uri?authorId=54581260700

Endereços de correio eletrónico

  • luisloureiro@ics.uminho.pt (Profissional)

Moradas

  • Universidade do Minho, Instituto de Ciências Sociais, Campus de Gualtar, Complexo Pedagógico 15, 4710-057, Braga, Braga, Portugal (Profissional)

Websites

  • https://www.ics.uminho.pt/pt (Académico)

Domínios de atuação

  • Ciências Sociais - Ciências da Comunicação
  • Ciências Sociais - Sociologia

Idiomas

Idioma Conversação Leitura Escrita Compreensão Peer-review
Português Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1)
Inglês Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1)
Francês Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1)
Espanhol; Castelhano Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador elementar (A1) Utilizador independente (B1)
Formação
Grau Classificação
2012/04/15
Concluído
Doutoramento em Ciências da Comunicação - especialização em Sociologia da Comunicação e da Informação (Doutoramento)
Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais, Portugal
"O Ecrã da Identificação" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovado por unanimidade
2006 - 2007
Concluído
Informação e Jornalismo (Pós-Graduação)
Universidade do Minho, Portugal
18
2007
Concluído
Pós-Graduação em Informação e Jornalismo (Pós-Graduação)
Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais, Portugal
"O Noticiário de TV e sua transposição para a Internet: O fim do alinhamento?" (TESE/DISSERTAÇÃO)
18
1992/05
Concluído
Licenciatura em Bioquímica (Licenciatura)
Universidade de Coimbra Faculdade de Ciencias e Tecnologia, Portugal
"Avaliação microbiológica da qualidade do ar em instalação industrial" (TESE/DISSERTAÇÃO)
12
1986 - 1992
Concluído
Bioquímica (Licenciatura)
Universidade de Coimbra, Portugal
12
Percurso profissional

Ciência

Categoria Profissional
Instituição de acolhimento
Empregador
2012/09/01 - 2021/10/18 Investigador (Investigação) Centro de Investigação em Informação Comunicação e Cultura Digital, Portugal
2008 - 2011 Investigador (Investigação) Universidade do Minho Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Portugal

Docência no Ensino Superior

Categoria Profissional
Instituição de acolhimento
Empregador
2021/09/01 - Atual Professor Auxiliar (Docente Universitário) Universidade do Minho, Portugal
Universidade do Minho Instituto de Ciências Sociais, Portugal
2012/09/01 - 2021/08/31 Professor Associado (Docente Universitário) Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2018 - 2019 Professor Associado (Docente Universitário) Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2013 - 2018 Professor Auxiliar (Docente Universitário) Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2006/09/01 - 2012/08/31 Assistente Convidado (Docente Universitário) Universidade do Minho Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Portugal

Cargos e Funções

Categoria Profissional
Instituição de acolhimento
Empregador
2013 - 2019 Coordenação ou direção de centro de investigação, departamento ou equivalente Universidade Lusófona do Porto, Portugal

Outros

Categoria Profissional
Instituição de acolhimento
Empregador
1997/12/01 - 2021/08/31 Jornalista Rádio e Televisão de Portugal, Portugal
1994/09/01 - 1997/11/30 Jornalista Rádio Comercial, Portugal
Projetos

Projeto

Designação Financiadores
2010 - 2013/12/31 Jornalismo Televisivo e cidadania: os desafios da esfera pública digital
Investigador
Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho (CECS), Portugal
Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Concluído

Outro

Designação Financiadores
2015 - Atual As Redes e a Rua – redes digitais, mobilizações públicas e ativismo
PTDC/IVC-COM/6005/2014
Investigador responsável
Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias Centro de Investigação em Comunicação Aplicada Cultura e Novas Tecnologias, Portugal
Desativado
Produções

Publicações

Artigo em conferência
  1. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela; Vieira, Phillipe; Manuel Pinto; Joaquim Fidalgo; Helena Sousa. "TV journalism and citizenship: the struggle for a new digital public sphere". Trabalho apresentado em IAMCR 2010, Braga, 2010.
    Publicado
  2. Loureiro, Luís M.. "TV do Ego: notícia de uma morte adiada?". Trabalho apresentado em VI Congresso da SOPCOM, Lisboa, 2009.
    Publicado
  3. Loureiro, Luís M.. "A Notícia de Televisão na Internet: o fim do alinhamento, o princípio de quê?". Trabalho apresentado em V Congresso da SOPCOM, Braga, 2007.
    Publicado
Artigo em revista
  1. Loureiro, Luís M.. "“Já não há Maradonas a aquecer”: O futebol como jogo de palavras e imagens - as crónicas do Euro (2016) e da Taça das Confederações (2017) na RTP". Mediapolis – Revista de Comunicação, Jornalismo e Espaço Público 15 (2022): 91-110. http://dx.doi.org/10.14195/2183-6019_15_6.
    Publicado • 10.14195/2183-6019_15_6
  2. Loureiro, Luís M.; Pereira, Rui; Babo, Isabel. "“Populismo”". Media & Jornalismo 22 40 (2022): 19-35. http://dx.doi.org/10.14195/2183-5462_40_1.
    10.14195/2183-5462_40_1
  3. Loureiro, Luís M.. "ecrã|screen|inter|face. da imagem-mapa à imagem-libido. from the image-map to the image-libido". ArtCiência 17 (2014): 1-9. http://www.artciencia.com/index.php/artciencia/article/view/380.
    Publicado
  4. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela; Neto, Ivo. "The (hyper) television screen: new insights and perspectives from the Euro 2012 portuguese TV broadcasts". Observatorio (OBS*) Journal 7 3 (2013): 35-57. http://obs.obercom.pt/index.php/obs/article/view/660.
    Publicado
  5. Lopes, F.; Loureiro, L.M.; Neto, I.. "The (hyper) television screen: New insights and perspectives from the Euro 2012 portuguese TV broadcasts | Oecrã da (hiper) televisão: novos olhares a partir das emissoes dedicadas ao Euro 2012 na TV portuguesa". Observatorio 7 3 (2013): 35-57. http://www.scopus.com/inward/record.url?eid=2-s2.0-84884798269&partnerID=MN8TOARS.
  6. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.; Vieira, Phillipe. "World Cup TV". Critical Arts - South-North Cultural and Media Studies 26 5 (2012): 707-727. http://dx.doi.org/10.1080/02560046.2012.744725.
    Publicado
  7. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela; Neto, Ivo; Ribeiro, Fabio; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Neto, Ivo Emanuel Campos Machado; Ribeiro, Fábio Fonseca. "A TV portuguesa à procura de cumprir uma promessa de participação". Derecom - Revista Online Especializada en Derecho de la Comunicación 11 (2012): 87-98. http://www.derecom.com/numeros/articulo0611.html.
    Publicado
  8. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva. "Um ecrã informativo saturado pelas elites da capital: análise dos plateaux dos canais generalistas e temáticos de informação". Comunicação pública vol.7 n11 (2012): 7-22. http://cp.revues.org/167.
    Publicado • 10.4000/cp.167
  9. Lopes, F.; Loureiro, L.M.; Neto, I.; Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel; Neto, Ivo Emanuel Campos Machado; Loureiro, Luís M.; Neto, Ivo. "Primusinter (ím)pares - análise da presença dos académicos nos plateau informativos da TV portuguesa". Observatorio 6 4 (2012): 127-143. http://www.scopus.com/inward/record.url?eid=2-s2.0-84873465124&partnerID=MN8TOARS.
    Publicado
  10. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva. "My Newscast is no longer ‘ours’". Journalism and Mass Communication 1 3 (2011): 201-212. http://hdl.handle.net/1822/29409.
    Publicado
  11. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.; Vieira, Phillipe; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Vieira, Phillipe Carlos Mota; Lopes, F.; Loureiro, L.M.. "A confraria do comentário do futebol na TV: evolução dos programas televisivos feitos com adeptos dos maiores clubes portugueses". Observatorio (OBS*) Journal 5 4 (2011): 327-350. http://www.scopus.com/inward/record.url?eid=2-s2.0-83055166931&partnerID=MN8TOARS.
    Publicado
  12. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.; Vieira, Phillipe. "A perda da hegemonia da classe política nos plateaux informativos". Estudos em Comunicação 9 (2011): 223-241. http://www.ec.ubi.pt/ec/09/pdf/EC09-2011Mai-12.pdf.
    Publicado
  13. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela. "Da falsa integração do espectador na TV informativa". Estudos em Comunicação 10 (2011): 149-161. http://www.ec.ubi.pt/ec/10/pdf/EC10-2011Dez-08.pdf.
    Publicado
  14. Lopes, F.; Vieira, P.; Miguel Loureiro, L.. "TV do mundial". Observatorio 5 2 (2011): 23-39. http://www.scopus.com/inward/record.url?eid=2-s2.0-79959896686&partnerID=MN8TOARS.
  15. Loureiro, Luís M.. "O meu telejornal já não é o nosso: questões que o determinismo tecnológico coloca ao dispositivo televisivo". Comunicação e Sociedade 15 1 (2009): 163-172.
    Publicado
  16. Loureiro, Luís M.. "Os arquivos globais de vídeo na Internet: entre o efémero e as novas perenidades. O caso YouTube". Comunicação e Sociedade 12 1 (2007): 163-172.
    Publicado
Artigo em revista (magazine)
  1. Loureiro, Luís M.. "Comunicar o Outro. O estereótipo, os media e a estabilização do visível", Radar, 2015, http://par.org.pt/wp-content/uploads/2017/03/Comunicar-o-Outro-no-Desenvolvimento-Projeto-Radar.pdf.
Capítulo de livro
  1. Loureiro, Luís M.. "O caso dos ativismos e plataformas que emergiram na sequência dos incêndios de 2017, em Portugal - Introdução". In Ativismo em Rede e Plataformas Colaborativas, editado por BABO, ISABEL; Rui Pereira, 13-17. Vila Nova de Famalicão, Portugal: Edições Húmus, 2022.
    Publicado
  2. Loureiro, Luís M.. "De vítimas dos incêndios a vítimas do esquecimento. Identificações e (im)possibilidade identitária de um movimento de protesto - o caso do MAAVIM (Portugal, 2017)". In Ativismo em Rede e Plataformas Colaborativas, editado por BABO, ISABEL; Rui Pereira, 18-41. Vila Nova de Famalicão, Portugal: Edições Húmus, 2022.
    Publicado
  3. Loureiro, Luís M.; BABO, ISABEL; Pereira, Rui. "Infotainment, Jornalismo e Entretenimento". In Infoentretenimento - Possíveis Abordagens Regulatórias, editado por Calado, Vanda, 172-197. Coimbra, Portugal: Almedina, 2021.
    Publicado
  4. Loureiro, Luís M.. "Da (nova?) política num visível positivo". In Netativismo, 139-144. Lisboa, Portugal: Edições Universitárias Lusófonas, 2017.
    Publicado
  5. Loureiro, Luís M.; Neto, Ivo. "Do ecrã convergente ao ecrã centrípeto - o (não) lugar do cidadão no ecrã televisivo". In O real (ainda) mora aqui? - Os Convidados e a Participação dos Espectadores na TV Informativa, 36-63. Braga, Portugal: CECS - Universidade do Minho, 2013.
    Publicado
  6. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela; Neto, Ivo; Sílvio Correia Santos. "A importância de um canal generalista público de sinal aberto para a informação televisiva". In Comunicação Política e Económica - Dimensões Cognitivas e Discursivas, 581-596. Braga, Portugal: Aletheia - Associação Científica e Cultural, 2013.
    Publicado
  7. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela. "Do Serviço Público de Media". In O real (ainda) mora aqui?, 64-74. Braga, Portugal: CECS - Universidade do Minho, 2013.
    Publicado
  8. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.. "Quando as elites da capital dominam o que se diz sobre o país e o mundo". In A TV dos Jornalistas, 43-57. Universidade do Minho, Braga, Portugal: Centro Estudos Comunicação e Sociedade, 2011.
    Publicado
  9. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.. "Longe de uma TV dos espectadores". In A TV dos Jornalistas, 99-110. Universidade do Minho, Braga, Portugal: Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, 2011.
    Publicado
  10. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís M.. "Da Paleotelevisão à Hipertelevisão". In Media, Redes e Comunicação - Futuros presentes, 231-254. Lisboa, Portugal: Quimera Editores, 2009.
    Publicado
Edição de livro
  1. Loureiro, Luís M.. Constelações do Ativismo em rede: Livro de Atas do II Congresso Internacional de Net-Ativismo. Lisboa, Portugal: Edições Universitárias Lusófonas. 2018.
    Publicado • Editor
Livro
  1. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela; Neto, Ivo. O real (ainda) mora aqui?. Braga, Portugal: CECS - Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho. 2013.
    Publicado
  2. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Neto, Ivo Emanuel Campos Machado. O real (ainda) mora aqui? Os convidados e a participação dos espectadores na TV informativa. Portugal: Universidade do Minho. Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS). 2013.
Resumo em conferência
  1. Loureiro, Luís M.. "Ecrã-mundo ou inter-face: da imagem-mapa à imagem-libido". Trabalho apresentado em DESIGNA 2013 - International Conference on Design Research, Covilhã, 2013.
    Publicado
  2. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela. "Ponto de (des)encontro: o cidadão e o consumidor na encruzilhada do ecrã". Trabalho apresentado em VII SOPCOM, Porto, 2011.
    Publicado
  3. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela. ""O Meu Telejornal" is no longer "ours"". Trabalho apresentado em IAMCR 2010, Braga, Portugal, 2010.
    Publicado
  4. Loureiro, Luís M.; Lopes, Felisbela. "Journalism and the circulation of myth". Trabalho apresentado em IAMCR 2010, Braga, Portugal, 2010.
    Publicado

Outros

Outra produção
  1. O ecrã da (hiper) televisão: novos olhares a partir das emissões dedicadas ao Euro 2012 na TV portuguesa. Dando continuidade a uma série de estudos já realizados no âmbito do projecto de investigação em que se insere, o presente trabalho questiona a evolução do ecrã televisivo como dispositivo supostamente convergente. Contrariando uma tendência discursiva dominante, quer na esfera dos media quer na própria produção académica sobre o medium televisivo, clarificam-se aqui alguns dos desenvolvimentos te. 2013. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Neto, Ivo Emanuel Campos Machado. http://hdl.handle.net/1822/39009.
  2. O meu Telejornal já não é o nosso: Questões que o determinismo tecnológico coloca ao dispositivo televisivo. Quando a sua aplicação se cruza em campos da produção e recepção mediática como a Televisão e os Novos Media, as teses centradas no determinismo tecnológico revelam duas imediatas limitações. A primeira tem a ver com a noção de controlo dos respectivos dispositivos: os ‘espectadores’, passivos e controlados externamente, transformam- se supostamente, pela entrada em jogo do potencial das tecnologi. 2012. Loureiro, Luís Miguel; Universidade do Minho. http://revistacomsoc.pt/index.php/comsoc/article/view/1050.
  3. Os arquivos globais de vídeo na Internet: entre o efémero e as novas perenidades. O caso YouTube. Cem milhões de videoclips são visionados todos os dias no YouTube. E todos os dias são carregados no servidor sessenta e cinco mil novos vídeos. Em apenas dois anos de existência, desde a criação do YouTube, a partilha de vídeo na Internet tornou-se um dos maiores fenómenos da sociedade global, realizando a líbido do homem do nosso tempo.O presente trabalho cruza as leituras de Paul Virilio e outr. 2012. Loureiro, Luís Miguel; Universidade do Minho. http://revistacomsoc.pt/index.php/comsoc/article/view/1102.
  4. World Cup television. In the last year of the first decade of the 21st century, in the verge of breaking into the era of digital television, it is important to know what kind of television model is available in Portugal. The analysis of the news coverage of the FIFA 2010 World Cup will certainly help in finding the answers. In this article, we present a study that centers its focus on news formats related to this great. 2012. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Vieira, Phillipe Carlos Mota. http://hdl.handle.net/1822/29479.
    10.1080/02560046.2012.744725
  5. Da falsa integração do espectador na TV informativa. As actuais potencialidades tecnológicas abrem, perante o (tele)spectador, a promessa de um ilusório empowered user que se vai construindo alicerçado na narrativa mítica da omnipotência, tornada modo verbal e complemento directo da promessa moderna da omnividência. No entanto, os plateaux informativos da televisão portuguesa do século XXI ainda não vêem no telespectador um elemento estruturante do. 2011. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel. http://hdl.handle.net/1822/39006.
  6. A perda da hegemonia da classe política nos plateaux informativos. A nossa aproximação à TV, nomeadamente à informação televisiva, faz-se através de uma perspectiva que a encara não enquanto textos, mas enquanto discursos. Mais do que elementos da linguagem, olhamos as emissões televisivas como factos sociais, ou melhor, como elementos simbólicos da realidade social que desenham, dentro do pequeno ecrã, uma espécie de ágora que condiciona a evolução do espaço púb. 2011. Lopes, Felisbela; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Vieira, Phillipe Carlos Mota. http://hdl.handle.net/1822/39221.
  7. A TV do Mundial. No último ano da primeira década do século XXI, quase a entrar na era da televisão digital, importa saber que modelo de TV existe em Portugal. A análise da programação informativa destinada a acompanhar o Campeonato do Mundo de Futebol 2010 ajudará, decerto, a encontrar respostas. Neste artigo, apresentamos um estudo que incidiu em formatos informativos sobre este grande evento mediático, emitidos. 2011. Lopes, Felisbela; Vieira, Phillipe Carlos Mota; Loureiro, Luís Miguel Nunes da Silva; Loureiro, Luís M.; Vieira, Phillipe. http://hdl.handle.net/1822/39041.
  8. Convergência e hipermodernidade: emerge a TV do ego. O advento do egocasting devolve, uma vez mais, a Televisão ao centro do questionamento científico. De que forma estão as recentes manifestações, potenciadas pela chamada web social – de produção, difusão e consumo de conteúdos multimédia, centradas num indivíduo que se relaciona com o mundo através de um imaginário egocentrado e hedonístico –, a abanar os alicerces da arquitectura televisiva cláss. 2008. Loureiro, Luís Miguel; Loureiro, Luís M.. http://ojs.letras.up.pt/index.php/prismacom/article/view/2068.
Atividades

Apresentação oral de trabalho

Título da apresentação Nome do evento
Anfitrião (Local do evento)
2022/10/28 Bruno A. Carvalho - repórter do "lado de lá": apontamentos sobre as reações à cobertura do lado russo da guerra em três redes sociais Ibercom 2022
Universidade do Porto (Porto, Portugal)
2021/10/14 De "vítimas dos incêndios" a "vítimas do esquecimento": o trabalho das identificações na elaboração da identidade do MAAVIM
Universidade Lusófona do Porto (Porto, Portugal)
2021/07/12 Networked communication and activism. Visibilization and support to the cause of the victims of the 2017 fires (Portugal) IAMCR 2021
United States International University-Africa, Nairobi, Kenya (Nairobi, Quénia)

Orientação

Título / Tema
Papel desempenhado
Curso (Tipo)
Instituição / Organização
2021 - 2021 A Televisão na Era Digital: Netflix e a uma nova forma de assistir TV e consumir entretenimento.
Orientador
Comunicação, Redes e Tecnologias (Mestrado)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2021 - 2021 As redes digitais e a influência no comportamento dos adeptos de futebol. Estudo de caso: comunidades virtuais no Facebook de Grêmio e Internacional e interatividade no Youtube durante a transmissão ao vivo de dois Gre-nais.
Orientador
Comunicação, Redes e Tecnologias (Mestrado)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2015 - 2015 Narrativas Cinemáticas, da TV à internet, dinâmicas de jornalismo para o desenvolvimento. Prémios AMI (Portugal) e Vladimir Herzog (Brasil)
Orientador
Estudos em Comunicação para o Desenvolvimento (Doutoramento)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2015 - 2015 "Entre os novos e os nativos digitais: uma abordagem ao desafio ético do Facebook para os jornalistas portugueses."
Orientador
Estudos em Comunicação para o Desenvolvimento (Doutoramento)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal

Organização de evento

Nome do evento
Tipo de evento (Tipo de participação)
Instituição / Organização
2015 - 2015 Net-Activism: II International Congress (2015/11/05 - 2015/11/06)
Congresso (Membro da Comissão Organizadora)
Centro de Pesquisa ATOPOS - Universidade de São Paulo (Brasil), Portugal

Participação em evento

Descrição da atividade
Tipo de evento
Nome do evento
Instituição / Organização
2019/01/16 - 2019/01/16 "Arte, Cultura e Net-Activismo"
Conferência
Happy Hours do Museu de Aveiro
Museu de Aveiro, Portugal
2018 - 2018 Narrativas audiovisuais na web: Como o jornalismo está a abordar as questões de desenvolvimento humano? Os casos Cross Content (Brasil) e Divergente/Bagabaga Studios (Portugal)
Congresso
XIII Conferência da Lusocom
Lusocom - Federação Lusófona de Ciências da Comunicação, Moçambique
2018 - 2018 Livres e Iguais - A Liberdade de Expressão Como Direito Humano
Conferência
Conferência "Livres e Iguais - Comemorações dos 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos"
Comissão Nacional Para as Comemorações dos 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e FDCP-ULP, Portugal
2017 - 2017 No Labirinto de Minotauro: narrativas cinematográficas, documentário, desenvolvimento humano e o Prémio AMI - Jornalismo contra a Indiferença
Congresso
10º Congresso da SOPCOM
SOPCOM, Portugal
2015 - 2015 Anonimato.Redes.Polis - Cidadãos e Anónimos nas Manifestações da Geração à Rasca (2011)
Conferência
Conferência "A Europa no Mundo e o Mundo na Europa. Crise e Identidade"
Instituto de Ciências Sociais, Portugal
2015 - 2015 Da (nova?) política num visível positivo
Congresso
Net-Activism - II International Congress
Centro de Pesquisa ATOPOS - Universidade de São Paulo (Brasil), Portugal
2014/09/23 - 2014/09/23 As Telas Tecnológicas da Identificação - O Anonimato em Rede e as Ruas Portuguesas Após 2011
Conferência
III Encontro do EMERGE - "É Possível a Governança Global da Internet A Partir dos Direitos Humanos?"
EMERGE - Centro de Pesquisas e Produção em Comunicação e Emergência, Brasil
2013 - 2013 TV do Real ou TV (i)Real? - Os plateaux dos programas de informação de prime time na TV portuguesa
Conferência
CONFERÊNCIA “Jornalismo Televisivo e Cidadania – Democracia, representação e participação: O real (ainda) mora aqui?”
Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho (CECS), Portugal
2013 - 2013 Do ecrã convergente ao ecrã centrípeto – o (não) lugar do cidadão no ecrã televisivo
Conferência
CONFERÊNCIA “Jornalismo Televisivo e Cidadania – Democracia, representação e participação: O real (ainda) mora aqui?”
Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho (CECS), Portugal

Júri de grau académico

Tema
Tipo de participação
Nome do candidato (Tipo de grau)
Instituição / Organização
2021/06/14 A TSF a paixão da rádio quatro décadas mais tarde - Reflexões a três vozes
Presidente do júri
Joana Inês Pires Freitas (Mestrado)
Universidade Lusófona do Porto Faculdade de Comunicação Arquitetura Artes e Tecnologias da Informação, Portugal
2020/11/16 Populismo e os novos media: o marketing político de Bolsonaro no YouTube
Arguente principal
Renata Cordeiro da Silva (Mestrado)
Universidade do Porto Faculdade de Letras, Portugal
2020/07/07 A Cidade como Tela: Memória, Espaço e Tecnologia
Arguente
Pedro Mascarenhas de Souza Pinheiro (Outro)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2020 O Hiper-objeto artístico e o fim da autonomia da curadoria. Novos média, modelos expositivos e públicos
Arguente
Constança Pérez Babo Lança (Outro)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2020 Connect the dots: automation in investigative journalism workflow
Arguente principal
Joana Rodrigues da Silva (Outro)
Universidade do Porto, Portugal
2019/06/18 Olhar sem ver: O impacto social da narrativa de Viagens e a indiferença. Um estudo sobre o grupo Facebook "Amantes de Viagens"
Presidente do júri
Miguel Ângelo da Silva Ferreira (Mestrado)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2019/05/30 O mundo dos YouTube Influencers em Portugal - Uma perspetiva culturalista
Presidente do júri
Ana Catarina Maia Ribeiro (Mestrado)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2019/04/24 O perfil do Enoturista da Quinta da Gaivosa
Presidente do júri
Ana Sofia Vieira Coelho (Mestrado)
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2018 Net-Ativismo e Ações Colaborativas nas Redes Sociais Digitais Marina Magalhães de Morais (Doutoramento)
Universidade Nova de Lisboa, Portugal
2018 As Multiplataformas Informativas: os desafios que as redes de media social e os periféricos móveis colocam no campo do jornalismo
Arguente principal
Ivo Emanuel Campos Machado Neto (Doutoramento)
Universidade do Minho, Portugal
2018 Rethinking the practice of accountability journalism in the digital age. The inception and development of the first Portuguese university based investigative journalism centre and whistleblowing platform
Arguente principal
Francesca Giachi (Mestrado)
Universidade Nova de Lisboa, Portugal
2017/07/21 Media e Diversidade Cultural - Análise do papel do jornalismo na construção da imagem social da minoria religiosa muçulmana, em Portugal e Inglaterra
Arguente principal
Ana Rita Castelo Branco de Oliveira (Mestrado)
Universidade do Porto, Portugal
2017 Marco Civil da Internet no Brasil: a transição para um modelo de democracia digital
Arguente principal
Vânia Maria Magalhães Tajra (Doutoramento)
Universidade do Minho, Portugal
2016 Programação cultural na televisão portuguesa - O caso do Canal 180 da OSTV
Arguente principal
Maria Inês Ferreira Bastos (Mestrado)
Universidade do Porto, Portugal
2016 Conteúdos políticos em televisão: Análise da participação dos telespectadores no programa "Opinião Pública" da SIC Notícias no caso José Sócrates
Arguente principal
Ana Hilma da Silva Almeida (Mestrado)
Universidade do Porto, Portugal
2015 The Information Age: A Case Study of Social Media Impact on the Daily Duties of Lebanese TV Journalists
Arguente principal
Hazem Salha (Mestrado)
Universidade do Porto, Portugal
2014 "Telejornalismo interativo: entre a promessa e a realidade. Análise dos contextos Brasil/Portugal"
Arguente principal
Carlos Alberto Moreira Tourinho (Doutoramento)
Universidade do Minho, Portugal
2014 "A fotografia documental na imprensa nacional: o real e o verosímil"
Arguente principal
Maria de Fátima Lopes Cardoso (Doutoramento)
Universidade Nova de Lisboa, Portugal
2013 Projeto "Lápis Azul"
Arguente principal
Rafael Manuel Patrão Tavares Antunes Martins (Mestrado)
Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Portugal
2012 A Implementação da TV Digital em Portugal
Arguente principal
Sérgio Denicoli dos Santos (Doutoramento)
Universidade do Minho, Portugal
2012 Netativismo e ações colaborativas em redes digitais: Um estudo sobre as formas de ativismo exercidas nas redes sociais portuguesas
Arguente principal
Marina Magalhães de Morais (Outro)
Universidade Nova de Lisboa, Portugal

Membro de comissão

Descrição da atividade
Tipo de participação
Instituição / Organização
2022/06/22 - 2022/06/22 Conferência Internacional sobre Qualidade no Jornalismo
Membro
Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho (CECS), Portugal
2021/10/14 - 2021/10/15 International Seminar Network Activism and Collaborative Platforms
Membro
Universidade Lusófona do Porto Faculdade de Comunicação Arquitetura Artes e Tecnologias da Informação, Portugal
2015 - 2015 CIAIQ - Congresso Ibero-Americano de Investigação Qualitativa
Membro
Universidade Tiradentes / GECES, Brasil
Distinções

Prémio

2018 Prémio SPA para Melhor Programa de Informação em Televisão
Sociedade Portuguesa de Autores, Portugal
2006 Prémio AMI Jornalismo contra a Indiferença
AMI, Portugal
2006 Prémio UNESCO Jornalismo Pelos Direitos Humanos
UNESCO, Portugal

Outra distinção

2018 Diploma de Valor Académico
Universidade Lusófona do Porto, Portugal
2018 Reconhecimento ao Mérito Cultural da Cidade de Gouveia
Câmara Municipal de Gouveia, Portugal