???global.info.a_carregar???
Diana Marina Dias Andringa. Concluiu o(a) Doutoramento em Sociologia em 2005 pelo(a) ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa. Publicou 3 artigos em revistas especializadas. Possui 1 livro(s). No seu currículo Ciência Vitae os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Prisão; Interrogatório; Tortura; Confissão; Traição; Prison; Interrogation; Torture; Confession; Treason; Autonomia; Constrangimentos; Informação; Jornalistas; Telespectadores; Autonomy; Constraints; Information; Journalists; TV viewers; COMUNICAÇÃO; JORNALISMO; COMUNICAÇÃO SOCIAL; POLÍTICA; Literature; Portuguese Literature; Literatures of the Portuguese language; Prison, interrogation, torture, confession, treason; Literatura; Literatura Portuguesa; Literaturas de língua portuguesa; Prisão, interrogatório, tortura, confissão, traição; Casa dos Estudantes do Império; Lusofonia; PALOP; Descolonização; Research Subject Categories::SOCIAL SCIENCES; .
Identificação

Identificação pessoal

Nome completo
Diana Marina Dias Andringa

Nomes de citação

  • Andringa, Diana

Identificadores de autor

Ciência ID
F913-1458-578D

Idiomas

Idioma Conversação Leitura Escrita Compreensão Peer-review
Português Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1)
Inglês Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1)
Francês Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1)
Espanhol; Castelhano Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1)
Formação
Grau Classificação
2014 - 2015
Concluído
ESTSS General Certificate in Psychotraumatology (Outros)
Especialização em Psicotraumatologia
Universidade de Coimbra Centro de Estudos Sociais, Portugal
2013
Concluído
Curso Doutoral em Sociologia (Doutoramento)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Portugal
"funcionários da Verdade: Profissionalismo e Responsabilidade social dos Jornalistas do Serviço Público de Televisão" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovada com Distinção
2005
Concluído
Sociologia (Doutoramento)
Especialização em Sem especialidade
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Portugal
"Funcionários da Verdade - Profissionalismo e Responsabilidade Social" (TESE/DISSERTAÇÃO)
2004
Concluído
CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SOCI0LOGIA (Pós-Graduação)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Portugal
"N/A" (TESE/DISSERTAÇÃO)
17
2000
Concluído
Curso de Pós-Graduação em Jornalismo (Pós-Graduação)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Portugal
"E não se pode regulá-la? A Televisão e a Alta Autoridade" (TESE/DISSERTAÇÃO)
18
1987
Concluído
CURSO DE DOCUMENTÁRIO EM TELEVISÃO (Postgraduate Certificate)
Visnews was a London-based international news agency, Reino Unido
NOT APLICABLE
1978
Concluído
CURSO DE INICIAÇÃO AO JORNALISMO EM TELEVISÃO (Outros)
Rádio Televisão Portuguesa, Portugal
NOT APLICABLE
1973
Concluído
FREQUÊNCIA DO CURSO DE SOCIOLOGIA (Licence)
Université Paris 8, França
NOT APLICABLE
1968
Concluído
1º CURSO DE JORNALISMO (Diploma de especialização)
Sindicato dos Jornalistas, Portugal
OPTIMO
1965
Concluído
1º ANO DO CURSO DE MEDICINA (Licenciatura)
Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina, Portugal
NOT APLICABLE
Percurso profissional

Ciência

2016 - 2017 Investigador Auxiliar (carreira) (Investigação)
Universidade de Coimbra Centro de Estudos Sociais, Portugal
2015 - 2015 Investigador (Investigação)
Universidade de Coimbra Centro de Estudos Sociais, Portugal
2004/10/01 - 2013/09/15 Investigador (Investigação)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Portugal
2013 - 2013 Investigador (Investigação)
Universidade de Coimbra Centro de Estudos Sociais, Portugal
2012 - 2012 Assistente de Investigação (carreira) (Investigação)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Portugal
2008 - 2011 Investigador (Investigação)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Portugal
2007 - 2007 Investigador (Investigação)
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Portugal

Outros

2014/01/01 - 2016/12/01 Pós-doutoramento (Investigadora)
Universidade de Coimbra Centro de Estudos Sociais, Portugal
1978/08/01 - 2001/07/01 Jornalismo
Rádio e Televisão de Portugal SA, Portugal
1999 - 2001 Equip. Prof. Adjunto
Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Comunicação Social, Portugal
1996/09 - 1998 Equip.Professor-Adjunto
Instituto Politécnico de Setúbal Escola Superior de Educação de Setúbal, Portugal
Projetos

Projeto

Designação Financiadores
2017 - 2022/01 CROME - Memórias cruzadas, políticas do silêncio: as guerras coloniais e de libertação em tempos pós-coloniais
715593
Investigador
Universidade de Coimbra Centro de Estudos Sociais, Portugal
European Research Council
2010 - 2013 As novas gerações de jornalistas portugueses
PTDC/CCI-JOR/100443/2008
Investigador
2004 - 2011 Perfil Sociológico do Jornalista Português
POCTI/COM/58978/2004
Investigador
ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Portugal
Produções

Publicações

Artigo em boletim informativo
  1. Andringa, Diana. ""Ver com outros olhos: o pseudo-arrastão de Carcavelos"", Trajectos, Revista de Comunicação, Cultura e Educação, 2007
Artigo em revista
  1. Andringa, Diana. ""Falar" na Polícia: história de uma traição". (2013): http://hdl.handle.net/10316/42616.
  2. Andringa, Diana. "“Whistle-blowers” at the police station: a history of treason". (2013): http://www.revistaabril.uff.br/index.php/revistaabril/article/view/44.
  3. Andringa, Diana. ", “Essa palavra ‘crise’”". Trajectos, Revista de Comunicação, Cultura e Educação 15 (2009):
    Publicado
  4. Andringa, Diana. ""Da militância como pecado mortal: opiniões sobre a militância política dos jornalistas"". Trajectos, Revista de Comunicação, Cultura e Educação 12 (2008):
    Publicado
  5. Andringa, Diana. ""Políticos, Media e Públicos em Portugal"". Trajectos, Revista de Comunicação, Cultura e Educação 8-9 (2006):
  6. Andringa, Diana. "Jornalismo, memória e amnésia". (2005): http://hdl.handle.net/10437/2638.
  7. Andringa, Diana. "Écrans e Solidão". Revista Portuguesa de Pedopsiquatria 19 (2004):
    Publicado
  8. Andringa, Diana. ""Televisão: e não se pode regulá-la?", T 1.". Trajectos, Revista de Comunicação, Cultura e Educação 1 (2002):
    Publicado
  9. Andringa, Diana. ""Acesso à TV, uma via para a integração dos imigrantes"". Cadernos Sociedade e Trabalho II (2002):
Livro
  1. Ramalho, Vítor; Maria, Adolfo; Freudenthal, Aida; Santos, Almeida; Mesquita, Ana; Filipe, António; Santos Silva, Artur; et al. Casa dos Estudantes do Império. União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa. 2017.
  2. Andringa, Diana. Joaquim Pinto de Andrade Uma quase autobiografia. Porto, Portugal: Afrontamento. 2017.
    Publicado
  3. Andringa, Diana. Ignacio Ramonet entrevistado por Diana Andringa. Porto, Portugal: Campo da Comunicação. 2001.
    Publicado
  4. Andringa, Diana. “Demasiado!” uma viagem ao mundo dos refugiados. Lisboa, Portugal: Teorema. 1996.
    Publicado
  5. Andringa, Diana. Em defesa de Aquilino Ribeiro. Lisboa, Portugal: Terramar. 1994.
    Publicado
Tese / Dissertação
  1. Andringa, Diana. "Funcionários da verdade: profissionalismo e responsabilidade social dos jornalistas do serviço público de televisão". Doutoramento, 2013. http://hdl.handle.net/10071/5886.

Artística / Interpretação

Guião
  1. Andringa, Diana. Engenho e Obra: Engenharia em Portugal no Século XX. 2002.
  2. Andringa, Diana. Estórias da Pintura. 2002.
  3. Andringa, Diana. Flora Gomes: Identificação de um país. 1995.
  4. Andringa, Diana. Bento de Jesus Caraça, Matemático e Cidadão. 1995.
  5. Andringa, Diana. Humberto Delgado, Obviamente Assassinaram-no. 1995.
  6. Andringa, Diana. Emanuel Nunes:no princípio era o som. 1994.
  7. Andringa, Diana. Aristides de Sousa Meendes, o Cônsul Injustiçado. 1993.
Programa de rádio / tv
  1. Andringa, Diana. 2019. Guiné-Bissau Da Memória ao Futuro. Projecto CROME - CES UC.
  2. Andringa, Diana. 2015. Operação Angola: Fugir para lutar. Persona Non Grata Pictures.
  3. Andringa, Diana. 2010. "Tarrafal: Memórias do Campo da Morte Lenta".
  4. Andringa, Diana. 2002. Em demanda do Grão Cataio ou Reynos de Tibete. RTP2.
  5. Andringa, Diana. 1992. Geração de 60. RTP2.
Atividades

Apresentação oral de trabalho

Título da apresentação Nome do evento
Anfitrião (Local do evento)
2017/04/01 TORTURE’S LONG TAIL: THE EXPERIENCE OF PORTUGAL "Here the rain never finishes": state-sponsored torture and its implication for trauma professionals
ESTSS European Society for Traumatic Stress Studies (Odense, Dinamarca)
2014/06/20 Portuguese State Televison and the 2007 Referendum on Voluntary Termination of Pregnancy International Conference “Gender in focus: (new) trends in media
Universidade do Minho (Braga, Portugal)
2013/05/30 "Imaginário e realidade nas novas gerações de jornalistas", Colóquio Internacional: Jornalismos/Jornalistas
ISCTE - IUL (Lisboa, Portugal)
2012/06/21 Insiders and Outsiders: a autoetnografia como forma de investigação ", VII Congresso Português de Sociologia – Sociedade: Crise e Reconfiguraçõe
FLUP e FPCEUP (Porto, Portugal)
2008 "Jornalismo: uma profissão em mudança" Congresso da Associação Portuguesa e Sociologia
(Portugal)
2003/11/06 Ética, Comunicação Social e Cidadania Ética, Comunicação Social e Cidadania
ISPA (Lisboa, Portugal)
Distinções

Outra distinção

2006 Menção honrosa “Direitos Humanos, tolerância e luta contra a discriminação na Comunicação Soci
2003 Prémio Universidades no Teleciência, Mostra de Documentário Científico, por "Engenho e Obra"
1998 Menção Honrosa para "José Rodrigues Miguéis, um homem do povo na história da República"
1996 Prémio "Repórter X", por "Humberto Delgado, obviamente assassinaram-no"
1996 Menção Honrosa (com Mª João Rocha) por "Flora Gomes, identificação de um país"
1995 Prémio "Procópio" de Jornalismo
1995 Prémio de Reportagem Televisiva-documentário "O Cas Big Dan's, Violação numa comunidade portuguesa"
1994 Prémio de Reportagem Televisiva-Documentário "Aristides de Sousa Mendes, o cônsul injustiçado"
1993 Prémio de Jornalismo da FLAD, pelo Documentário "Aristides de Sousa Mendes, o cônsul injustiçado"
Fundação Luso-Americana, Portugal
1988 Prémio "Fernando Pessoa" de Jornalismo por um artigo publicado no "Diário de Notícias"
1985 Prémio "Nova Gente" de Jornalismo, pelo Trabalho sobre a guerra Irão/Iraque