???global.info.a_carregar???
Vanessa Andreia Santos Almeida. No seu currículo Ciência Vitae os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Clandestinidade; Partido Comunista Português; Estado Novo; Memória colectiva; Clandestinity; Portuguese Communist Party; Collective memory; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Sociologia; .
Identificação

Identificação pessoal

Nome completo
Vanessa Andreia Santos Almeida

Nomes de citação

  • Almeida, Vanessa

Identificadores de autor

Ciência ID
281F-156E-771C
ORCID iD
0000-0001-9176-2542

Endereços de correio eletrónico

  • vadealmeida@gmail.com (Profissional)

Moradas

  • Avenida de Berna, 26 C , 1069-061, Lisboa, Lisboa, Portugal (Profissional)

Websites

  • http://ihc.dev.fcsh.unl.pt/vanessa-de-almeida/ (Académico)

Domínios de atuação

  • Ciências Sociais - Sociologia - Antropologia

Idiomas

Idioma Conversação Leitura Escrita Compreensão Peer-review
Português (Idioma materno)
Francês Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C2) Utilizador elementar (A2) Utilizador proficiente (C2)
Espanhol; Castelhano Utilizador independente (B2) Utilizador proficiente (C2) Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C2)
Inglês Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B2)
Formação
Grau Classificação
2017
Frequentou
Antropologia (Curso de doutoramento (conclusão de unidades curriculares))
Especialização em Poder, Resistência e Movimentos Sociais
Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Portugal
18
2015
Concluído
Antropologia (Mestrado integrado)
Especialização em Direitos Humanos e Movimentos Sociais
Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Portugal
18
1998
Concluído
História (Licenciatura)
Especialização em História de Arte
Universidade de Lisboa Faculdade de Letras, Portugal
14
Percurso profissional

Outros

Categoria Profissional
Instituição de acolhimento
Empregador
2014 - Atual Técnica Superior Câmara Municipal de Almada, Portugal
2001/04 - 2014 Técnica Superior Câmara Municipal do Barreiro, Portugal
1998 - 2001 Técnica de Animação EBHAL Equipamentos dos Bairros Históricos de Lisboa, Portugal
Produções

Publicações

Artigo em conferência
  1. Almeida, Vanessa. "As Lutas Operárias na CUF na I República.". Trabalho apresentado em A República nos Concelhos da Margem sul, Moita, 2010.
    Publicado
  2. Almeida, Vanessa. "A CUF no Barreiro. O eterno baluarte do PCP". Trabalho apresentado em Colóquio Internacional A Industrialização em Portugal. O caso do Barreiro, Barreiro, 2008.
    Publicado
Artigo em revista
  1. Almeida, Vanessa. "Perdoem a Falta de Escolha, os Dias Eram Assim.". 60 (2020): https://revistataeonline.weebly.com.
    Acesso aberto • Publicado
  2. Lozano Aguilar, Arturo. "Recensão a El duelo revelado. La vida social de las fotografías familiares de las víctimas del franquismo de Jorge Moreno Andrés". Práticas da História, Journal on Theory, Historiography and Uses of the Past 9 (2019): 253-259. http://www.praticasdahistoria.pt/pt/.
    Publicado • 10.7203/kam.14.15667
  3. Almeida, Vanessa. "A grande greve de 1943. Causas e consequências". Movimento Cultural (2014):
    Publicado
  4. Almeida, Vanessa. "A Greve de 1943 no Barreiro. Resistência e Usos da Memória". Revista Online do Museu de Lanifícios da Universidade da Beira Interior 2 (2013): http://www.ubimuseum.ubi.pt/n02/docs/ubimuseum02/ubimuseum02.vanessa-almeida.pdf.
    Publicado
  5. Lourenço, Sergio Ricardo; Silva, Thadeu Alfredo Farias; Filho, Silvério Catureba da Silva. "Mausoléu de Alfredo da Silva.". Musa. Museus, arqueologia & outros patrimónios 1 (2004):
    Publicado
Capítulo de livro
  1. Almeida, Vanessa. "Quando a fuga foi a guerra. Histórias de ferroviários". In História, Património e Infraestruturas do Caminho de Ferro. visões do Passado e Perspectivas do Futuro. Évora, Portugal: CEHE-IUL/CIDEHUS, 2014.
    Publicado
  2. Almeida, Vanessa. "A Comissão Interna da Empresa ideologia, resistência e transformação". In De Pé sobre a Terra. Estudos sobre a Indústria, o Trabalho e o Movimento Operário em Portugal. Lisboa, Portugal: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Instituto de História Contemporânea, 2014.
    Publicado
  3. Almeida, Vanessa. "O mergulho na clandestinidade.". In Resistência e y Memória. Perspectivas Ibero-Americanas. IHC-FCSH/UNL, 2014.
    Publicado
Livro
  1. Almeida, Vanessa. Mulheres da Clandestinidade. Lisboa, Portugal: Parsifal. 2017.
    Publicado
  2. Almeida, Vanessa. Um Discurso Escondido Alfredo da Silva e as greves na CUF durante a Primeira República. Lisboa, Portugal: Bizâncio. 2009.
    Publicado
  3. Almeida, Vanessa. Um momento de viragem do 18 de Janeiro de 1934 ao hastear da Bandeira Vermelha em 1935. Portugal. 2005.
    Publicado
Tese / Dissertação
  1. Almeida, Vanessa Andreia dos Santos de. "Vozes femininas da clandestinidade comunista : 1940-974". Mestrado, 2015. http://hdl.handle.net/10362/18492.

Outros

Outra produção
  1. Vozes da Oposição. Recolha de histórias de vida e autoria de documentário produzido pela Divisão de Cultura e Património Histórico e Museológico da Câmara Municipal do Barreiro. 2009. Almeida, Vanessa.
  2. A CUF no Barreiro: Memórias no Femimino. Recolha de histórias de vida e co-autoria de documentário (Documentário realizado e produzido pelo Departamento de Cultura e Património Histórico e Museológico da Camara Municipal do Barreiro). 2008. Almeida, Vanessa. https://www.youtube.com/watch?v=GtqOiRapEaY.
  3. Verão Quente de 1943. Entrevistas e co-autoria de documentário (Documentário realizado e produzido pelo Departamento de Cultura e Património Histórico e Museológico da Camara Municipal do Barreiro). 2003. Almeida, Vanessa. https://www.youtube.com/watch?v=UyaihMmggR4.
Atividades

Apresentação oral de trabalho

Título da apresentação Nome do evento
Anfitrião (Local do evento)
2018/05 «Perdoem a falta de escolha, Os dias eram assim» Conferência Internacional Memória, Cultura e Devir– Estudos Aprofundados em Ciências Sociais
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Instituto de História Contemporânea (Lisboa, Portugal)
2017/04/20 «Mas eles Conceição vão lamber as botas comer à mão: experiências prisionais das funcionárias clandestinas do PCP» Jornada de Estudos Memória, Património e Devir. Entre futuros passados e tempos inéditos
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Instituto de História Contemporânea (Lisboa, Portugal)
2016/11/25 «Vidas Clandestinas: história de vida de S.» Colóquio Internacional Mulheres: resistências quotidianas, clandestinidade e luta armada
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Instituto de História Contemporânea (Lisboa, Portugal)
2013/11 “Era só bandos de mulheres pelas ruas” - A greve de 1943 e a emergência das mulheres no espaço público Congresso Trabalho e Movimento Operário
Câmara Municipal do Barreiro (Barreiro, Portugal)
2013/06 «O mergulho na clandestinidade – riscos, motivações e permanências» I Encontro da Red(e) Ibero-Americana Resistência e (y) Memória
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Instituto de História Contemporânea (Lisboa, Portugal)
2013/03 «A Greve de 1943 no Barreiro – resistência e usos da memória» I Congresso de História do Movimento Operário e dos Movimentos Sociais em Portugal
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (Lisboa, Portugal)
2011/11 «A Comissão Interna da Empresa – ideologia, resistência e transformação» Encontros de Investigadores Locais/Divulgação de Estudos Monográficos, O Mundo do Trabalho na Península de Setúbal
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Instituto de História Contemporânea (Almada, Portugal)
2011/02 «Do Caso do Vapor Évora ao Tarrafal – histórias de ferroviários» Colóquio Internacional 150 anos do Caminho-de-Ferro no Barreiro
Universidade de Évora (Barreiro, Portugal)
2008/10 «A CUF no Barreiro – o eterno baluarte do PCP» Colóquio Internacional A Industrialização em Portugal. O caso do Barreiro
Universidade Autónoma de Lisboa (Barreiro, Portugal)
2007/03/08 As Mulheres das Casas Clandestinas Colóquio A Mulher e a Resistência
Movimento «Não Apaguem a Memória» (Lisboa, Portugal)

Organização de evento

Nome do evento
Tipo de evento (Tipo de participação)
Instituição / Organização
2019 - 2019 Cordenação de visita guiada "Casas da Clandestinidade - Linha do Estoril" inserida na actividade Lisboa a partir do Aljube (2019/11/09 - 2019/11/09)
Outro (Coorganizador)
Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Portugal
2019 - 2019 Cordenação de visita guiada "Barreiro – Locais de Repressão e Resistência" inserida na actividade Lisboa a partir do Aljube (2019/06/29 - 2019/06/29)
Outro (Coorganizador)
Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Portugal
2018 - 2018 Cordenação de visita guiada "Os Clandestinos" inserida na actividade Lisboa a partir do Aljube (2018/09/29 - 2018/09/29)
Outro (Coorganizador)
Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Portugal
2016/11 - 2016/11 Organização de Colóquio Internacional Mulheres: resistências quotidianas, clandestinidade e luta armada (2016/11/24 - 2016/11/26)
Congresso (Membro da Comissão Organizadora)
Universidade Nova de Lisboa Instituto de História Contemporânea, Portugal

Museu do Aljube Resistência e Liberdade, Portugal
2013/11 - 2013/11 Congresso Trabalho e Movimento Operário (2013/11/28 - 2013/11/30)
Congresso (Membro da Comissão Organizadora)
Câmara Municipal do Barreiro, Portugal

Entrevista / Programa (rádio / tv)

Programa Tema
2017/06 - Atual Ronda da Noite Apresentação do livro Mulheres da Clandestinidade