???global.info.a_carregar???
Ana Maria Aguiar Frias. Doutora em Psicologia. Titulo de Especialista na área Científica de Enfermagem- Universidade de Évora/Escola Superior de Enfermagem de Lisboa/ Instituto Politécnico de Santarém em 2012. É Professor Adjunto na Universidade de Évora. Publicou 18 artigos em revistas especializadas, possui 6 capítulos de livros e 1 livro publicados. Possui 60 itens de produção técnica. Recebeu 7 prémios e/ou homenagens. Actualmente coordena 1 projecto de investigação. Actua nas áreas de Ciências Médicas com ênfase em Ciências da Saúde, Ciências Sociais com ênfase em Psicologia, Ciências Sociais com ênfase em Ciências da Educação e Ciências Médicas com ênfase em Outras Ciências Médicas. Nas suas actividades profissionais interagiu com 42 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. No seu curriculum DeGóis os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Preparação para o Nascimento, Vinculação, Controlo da Dor, Emergências, Bonding, VIH- SIDA, Simulação.
Identificação

Identificação pessoal

Nome completo
Ana Frias

Nomes de citação

  • Frias, A.

Identificadores de autor

Ciência ID
2016-9185-5E33

Telefones

Telemóvel
  • 966640111 (Pessoal)

Domínios de atuação

  • Ciências Médicas e da Saúde - Ciências da Saúde
  • Ciências Sociais - Psicologia
  • Ciências Médicas e da Saúde - Outras Ciências Médicas
  • Ciências Sociais - Ciências da Educação

Idiomas

Idioma Conversação Leitura Escrita Compreensão Peer-review
Francês Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador proficiente (C1)
Espanhol; Castelhano Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C1) Utilizador independente (B1) Utilizador proficiente (C1)
Inglês Utilizador elementar (A1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1) Utilizador independente (B1)
Formação
Grau Classificação
2019
Concluído
Full Instructor (Outros)
Especialização em Emergências médicas
Conselho Português de Ressuscitação/European Resuscitation Council (ERC)., Portugal

Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
Aprovado
2017 - 2018/02/24
Concluído
Instrutor-Suporte Básico de Vida (Outros)
Especialização em Emergências
Conselho Português de Ressuscitação/European Resuscitation Council (ERC)., Portugal
Aprovado
2017 - 2017
Concluído
Suporte Básico de Vida (Curso médio)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012
Concluído
Titulo de Especialista na área Científica de Enfermagem (Doutoramento)
UniversidadeÉvora/EscolaEnfermagemLlisboa/instituto PolitécnicoSantarém, Portugal
"apresentação e discussão do curriculo vitae" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovada
2012
Concluído
Specialist in the scientific area of nursing according to the Decree-Law nº 206/2009 of August 31 (Título de especialista)
Universidade de Évora, Portugal
"n/a" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Approved
2011 - 2011
Concluído
ALSO (Advanced Life Support in Obstetrics) (Curso médio)
ALSO ® Portugal e ALSO ® Brasil (Advanced Life Support in Obstetrics), Portugal
2010/06/11
Concluído
Psicologia (Doutoramento)
Universidade de Évora, Portugal
2006 - 2010
Concluído
Doutoramento em Psicologia (Doutoramento)
Universidade de Évora, Portugal
"Fazer um ser pelo nascer: A Influência da Preparação para o parto no nascimento " (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovado com distinção e Louvo
2010
Concluído
PhD in Psychology (Doutoramento)
Universidade de Évora, Portugal
"To Make a Being by Giving Birth! The influence of the Psychoprophylactic Method on the Preparation for Birth" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Approved with distinction and praise unanimously
2005 - 2007
Concluído
International Certificate of Human Ecology (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
"Atitudes contraceptivas dos adolescentes" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovado
2002 - 2004
Concluído
Mestrado em ecologia humana (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
"Crescer Aqui: o Duplo Padrão Sexual e as Atitudes Contracetivas dos Adolescentes" (TESE/DISSERTAÇÃO)
Aprovada
2004
Concluído
Human Ecology (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
"to grow here! - sexual standard double " (TESE/DISSERTAÇÃO)
Approved
2001 - 2001
Concluído
Aptidão de Formador (Curso médio)
Instituto do Emprego e Formação Profissional, Portugal
1993 - 1995
Concluído
Enfermagem em saúde materna e obstétrica (Licenciatura)
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
18
1995
Concluído
nurse specialist in health nursing materna and Obstretrics (Licenciatura)
Escola superior de Enfermagem Maria Fernanda Rezende, Portugal
"N/A" (TESE/DISSERTAÇÃO)
18
1993 - 1994
Concluído
Curso de Preparação para o Parto (Curso médio)
Escola superior de Enfermagem Maria Fernanda Rezende, Portugal
1982 - 1985
Concluído
Enfermagem (Bacharelato)
Escola Superior de Enfermagem de S. Vicente de Paulo, Portugal
17
1985
Concluído
Bachelor in Nursing (Bacharelato)
Escola Superior de Enfermagem de S. Vicente de Paulo, Portugal
"n/a" (TESE/DISSERTAÇÃO)
17
Percurso profissional

Docência no Ensino Superior

2006/07/23 - Atual Professor Adjunto (Docente Ensino Superior Politécnico)
Universidade de Évora, Portugal
2006 - 2018 Professor Adjunto (Docente Ensino Superior Politécnico)
Universidade de Évora, Portugal
2003/01/01 - 2006 Assistente (Docente Universitário)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal

Outras Carreiras

2001/11 - 2003/07 Enfermeiro (Enfermagem)
Administração Regional de Saúde do Alentejo IP, Portugal
1992/07 - 2001/11 Enfermeiro (Enfermagem)
Hospital do Espírito Santo EPE, Portugal
1986/01 - 1992/07 Enfermeiro (Enfermagem)
Hospital Santo António dos Capuchos, Portugal

Cargos e Funções

2019/03/08 - Atual Presidente do Conselho Pedagógico
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2010/01 - Atual Adjunta da coordenadora do Curso de Mestrado em Enfermagem de Maúde Materna e Obstetrícia
Universidade de Évora, Portugal
2006/07 - Atual Coordenadora de Cursos Preparação para o Nascimento (ESESJD)
Universidade de Évora, Portugal
2017/03 - 2019/02 Vice presidente da Assembleia de Escola
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012/04 - 2017 Coordenadora de Curso da Pós graduação Cuidar no Nascer e no Crescer
Universidade de Évora, Portugal
2015 - 2016 Conselho científico/técnico-científico ou orgão correspondente
Universidade de Évora Escola Superior de Enfermagem de São João de Deus, Portugal
2013/04 - 2015/03 Adjunta da Coordenadora de Curso da Licenciatura em Enfermagem
Universidade de Évora, Portugal
2012/06 - 2015 Coordenador Local do Programa Vasco da Gama
Universidade de Évora, Portugal
2009/01 - 2014 Coordenador de Curso de Pós-graduação em Medicina Chinesa
Universidade de Évora, Portugal
2012/02 - 2013/07 Presidente da Comissão de auto avaliação do curso de Enfermagem
Universidade de Évora, Portugal
2011/08 - 2013/03 Coordenador de Curso da Licenciatura em Enfermagem
Universidade de Évora, Portugal
2009/01 - 2011/12 Coordenador de 6.ºCurso de Póslicenciatura de especialização em Enfermagem de saúde materna e Obstetrícia
Universidade de Évora, Portugal
2011/01 - 2011/01 Adjunta da Cordenador de Curso da Licenciatura em Enfermagem
Universidade de Évora, Portugal
2004/01 - 2010/12 Adjunta da Coordenadora da póslicenciatura de Especialização em Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia
Universidade de Évora, Portugal
2008/02 - 2010/02 Presidente do Conselho Pedagógico
Universidade de Évora, Portugal
2004/01 - 2006/12 Coordenador Cursos de Preparação para o Nascimento (IFE)
Universidade de Évora, Portugal
2004/10 - 2006/02 Coordenador de Cursos de Urgência Obstétrica e neonatais
Universidade de Évora, Portugal

Outros

2012/02/01 - Atual HIV-AIDS Project Coordinator
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2010/09/01 - Atual Deputy Director of the Master's Degree in Maternal Health and Obstetric Nursing
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2009/02/01 - 2011/02/01 Director of the Postgraduate Degree in Maternal Health and Obstetric Nursing Specialization
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2008/02/01 - 2011/02/01 President of Pedagogical Council
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
1986/01/03 - 2003/07/01 Enfermeira e Enfermeira especialista em saúde materna e obstétrica
Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo IP, Portugal
Projetos

Projeto

Designação Financiadores
2013 - Atual Avaliação nutricional e comportamento alimentar dos estudantes de enfermagem da região transfronteiriça Alentejo-Extremadura.
Parceria com Extremadura
Investigador
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal

Outro

Designação Financiadores
2019 - Atual Condições de saúde e qualidade de vida em estudantes universitários”
?
Investigador
Universidade Federal do Vale do São Francisco, Brasil
2015 - Atual Auto eficácia do aleitamento e cuidados maternos, perspectivas de puérperas portuguesas e estrangeiras,
Parceria com Cáceres e Turquia
Investigador
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012 - Atual Conhecer e Prevenir o VIH-SIDA na UÉ: Projeto de Intervenção na Comunidade Académica
www.projetovihsida.uevora.pt
Investigador responsável
Universidade de Évora, Portugal
2014 - 2016 Síndrome Metabolico
projeto pós-doc
Investigador responsável
Universidade de Évora, Portugal
Produções

Publicações

Artigo em conferência
  1. Frias, Ana.. 2007. "Preparação Psicoprofilática para o Parto: Gravidez saudável versus bebé saudável". In III Encontro de Investigação: III encontro de Investigação " Perspectivar e Investigar em Saúde", Vila Real, Portugal. Vila Real, Portugal: Escola Superior de Enfermagem de Vila Real.
    Publicado
Artigo em revista
  1. Frias, Ana; Sim-Sim, Margarida; Chora, Maria Antonia; Barros, Maria da Luz; Silva, Gertrudes; Chora, Maria; Barros, Maria. 2017. "Attitudes of Elements of the Academic Community in Regard to the Rapid Test of HIV/AIDS". International Journal of HIV/AIDS Prevention, Education and Behavioural Science 2 (4): 27-35. http://hdl.handle.net/10174/20218.
    Acesso aberto • Publicado
  2. Duarte, Paula; Risso, Sandra; Frias, Ana. 2016. "O Efeito do REIKE nos profissionais de Saúde com Burnout.". Journal of Educational, Technologies and Health (Rev Mil) (Ed. Especi): 367-376. http://hdl.handle.net/10174/20186.
    Publicado
  3. Ramos, Ana; Risso, Sandra; Frias, Ana. 2016. "Resultados da Intervenção Toque Terapêutico no Recém-Nascido: Uma Revisão Sistemática da Literatura". Uma Revisão Sistemática da Literatura. Revista ibero-americana de saúde e envelhecimento (RIASE) 2 (1): 503-518. http://hdl.handle.net/10174/20183.
    Publicado
  4. Frias, Ana; Sim-Sim, Margarida; Chora, Maria Antonia; Caldeira, Ermelinda. 2016. "Adaptation and validation into Portuguese language of the HIV Antibody Testing Attitude Scale". http://hdl.handle.net/10174/18473.
    Acesso aberto • 10.1590/1982-0194201600011
  5. Frias, Ana; Biléu, Carlos; Pires, Teresa; Marranita, Samuel. 2015. "Disfagia no doente após acidente Vascular Cerebral: Consequências e Intervenção do Enfermeiro.". Revista Ibero-Americana de Saúde e Envelhecimento (RIASE) 1 (3): 388-401. http://hdl.handle.net/10174/17836.
    Acesso aberto • Publicado
  6. Matos, Nuno; Rocha, Luis; Varandas, Carlos; Rosado, Sílvia; D`Oliveira, David; Santos, Rita; Fonseca, Ana; Frias, Ana. 2015. "Síndrome de Burnout em profissionais de enfermagem em unidades críticas". Onco.News 30 (VII): 8-15. http://hdl.handle.net/10174/17835.
    Acesso aberto • Publicado
  7. Frias, Ana. 2014. "Concepção pedagógica do curso psicoprofilático de preparação para o nascimento". http://hdl.handle.net/10174/13473.
    Acesso aberto
  8. Frias, Ana. 2014. "Duplo Padrão Sexual e Contraceção nos Adolescentes". http://hdl.handle.net/10174/13479.
    Acesso aberto
  9. Lopes, Hugo; Frias, Ana. 2014. "Eventos adversos no transporte do doente crítico: Percepção dos enfermeiros de um hospital central". Revista investigação em enfermagem (1): 54-58. http://hdl.handle.net/10174/13491.
    Acesso aberto • Publicado
  10. Frias, Ana; Caldeira, Ermelinda; Chora, Antónia; Casas-Novas, Vitória; Sim-Sim, Margarida; Palminhas, Edgar. 2014. "PROJETO CONHECER E PREVENIR O VIH: INTERVENÇÃO NA UNIVERSIDADE DE ÉVORA". http://hdl.handle.net/10174/13780.
    Acesso aberto
  11. Frias, Ana; Rocha, Luis; Sim-Sim, Margarida; Caldeira, Ermelinda; Casas Novas, Vitória. 2013. "HIV/AIDS Prevention: Intervention Project Of The Higher School Of Nursing. University Of Évora (ESESJD/UÉ)". Atención Primaria 45 (1): 24-24. http://hdl.handle.net/10174/8645.
    Publicado
  12. Frias, Ana; Chora, Antónia. 2013. "Adolescents sexual practices". Atención Primaria 45 (1): 82-82. http://hdl.handle.net/10174/8647.
    Acesso aberto • Publicado
  13. Frias, Ana; Serra, Célia. 2013. "Pre-natal Aquatic Preparation". Atención Primaria 45 (1): 27-27. http://hdl.handle.net/10174/8646.
    Acesso aberto • Publicado
  14. Frias, Ana. 2013. "Educate For Birth". Atención Primaria 45 (1): 26-26. http://hdl.handle.net/10174/8644.
    Acesso aberto • Publicado
  15. Frias, Ana; Pereira, Ana; Louro, Isa. 2012. "Arrefecimento pós-paragem Cardiorespiratorio: Uso da Hipotermia Terapéutica". 11ª Conferência Internacional de Representações Sociais - III Colóquio Luso-Brasileiro sobre Saúde, Educação e Representações Sociais (1): 1-10. http://hdl.handle.net/10174/7439.
    Publicado
  16. Barros, Maria da Luz; Frias, Ana. 2012. "Controlo da Dor do Trabalho de Parto em Primíparas". Referência (1): 208-208. http://hdl.handle.net/10174/7708.
    Publicado
  17. Frias, Ana.. 2012. "Acessibilidade e Cuidados de Saúde Primários- opinião dos utentes". Revista de Enfermagem UFPE on line 6 (8): 1856-1863. http://www.ufpe.br/revistaenfermagem/index.php/revista/article/view/2664/pdf_1371.
    Publicado • 10.5205/01012007
  18. Mendes, Felismina; Frias, Ana; Chora, Maria Antónia; Gemito, Maria Laurência; Zangão, Otília; Mestre-Escola, Sílvia; Chora, Maria; Escola, Silvia. 2012. "ACCESSIBILITY AND PRIMARY HEALTH CARE – THE REVIEW OF USERS". http://hdl.handle.net/10174/9957.
    Acesso aberto • 10.5205/01012007
  19. Frias, Ana; Barros, Maria da Luz; Barros, Luz. 2012. "Educar Para Aliviar a Dor". Referência (1): 358-358. http://hdl.handle.net/10174/7447.
    Acesso aberto • Publicado
  20. Frias, Ana; Chaves, Débora. 2012. "Tratamento e controlo sintomático nas feridas malignas". http://hdl.handle.net/10174/7762.
    Acesso aberto
  21. Frias, Ana. 2012. "Aprender para Bem Nascer!". http://hdl.handle.net/10174/10141.
    Acesso aberto
  22. Frias, Ana.. 2011. "preparação psicoprofilática e a perceppão da experiência do nascimento". International Journal of Development and Educational Psychology 1 (1): 409-416. ISSN: 0214-9877.
    Publicado
  23. Frias, Ana.. 2010. "A dor do Trabalho de Parto...um desafio a ultrapassar.". International Journal of Development and Educational Psychology 2 (1): 53-61.
    Publicado
  24. Frias, Ana.. 2008. "A preparação Psicoprofilática para o Parto e o Nascimento do Bebé: Estudo Comparativo". International Journal of Development and Educational Psychology 1 (1): 47-54.
    Publicado
  25. Frias, Ana.. 2008. "Percepção do parto e o Envolvimento Emocional da Mãe com o Recém-Nascido". International Journal of Development and Educational Psychology 1 (1): 37-46.
    Publicado
  26. Frias, Ana.. 2006. "Crescer Aqui! O duplo padrão sexual". Enfermagem e Sociedade (1): 18-24.
    Publicado
  27. Frias, Ana.. 2006. "As atitudes Contraceptivas dos adolescentes". Servir 54 (3): 121-130.
    Publicado
Artigo em revista (magazine)
  1. Frias, Ana.. 2010. "O bebé nasceu, Sou pai!... e agora?". Revista bebé vida Comunica, 2010/11/11: 2-2.
Capítulo de livro
  1. Frias, A.. 2019. "Knowledge of HIV/AIDS. An intergenerational perspective". In Handbook of Research on Health Systems and Organizations for an Aging Society, 176-184. Discovery.
    Publicado
  2. Frias, Ana. 2014. "Vivência Afetivo-Sexual: Duplo Padrão Sexual". In Vivência Afetivo-Sexual: Duplo Padrão Sexual, 27-38. Portugal, Portugal: Aloendro. http://hdl.handle.net/10174/13487.
    Publicado
  3. Frias, Ana; Gomes da Costa, Fernanda. 2014. "Mutilação genital feminina: segredos para revelar". In Mutilação genital feminina: segredos para revelar, 93-104. Portugal, Portugal: Editora Aloendro. http://hdl.handle.net/10174/13483.
    Publicado
  4. Frias, A.. 2013. "Course experience at the 1st year students-a study under the mentor monitoring at the University of Évora". In Orquestração da aprendizagem no Ensino Superior, 139-154. Pedago.
  5. Frias, Ana. 2011. "Preparação Psicologica para o Nascimento: Diálogos conjuntos, conhecimentos que se cruzam". In Handbook of Research on Health Systems and Organizations for an Aging Society, 105-114. Portugal, Portugal: Aloendro. http://hdl.handle.net/10174/6664.
    Publicado
  6. Frias, Ana.. 2008. "Educar para o Nascimento: a Essencialidade do Método de Preparação Psicoprofilática para o Parto". In Educação para a Saúde no seculo XXI: Teorias, Modelos e Práticas, 508-515. Évora, Portugal: Universidade de Évora.
    Publicado
Livro
  1. Frias, Ana. 2004. Abordagem do Duplo padrão e das Atitudes Contraceptivas nos Adolescentes em Contexto Ecológico. Universidade de Évora, Portugal: Sem publicadora definida.
    Publicado
Prefácio / Posfácio
  1. Frias, Ana.. 2015. "Medidas, politicas e práticas do envelhecimento". Brasil, Brasil: Rubio.
    Publicado
  2. Frias, A.. 2015. "Escrita científica e a divulgação do conhecimento". Prefácio para Revista Cogitare Enfermagem.
    Publicado
Relatório
  1. Rabaça, João E.; Nunes, Maria de Fátima; Neves, Nuno de Sousa; Leandro, Sandra; Ventura, José Biléu; Frias, Ana; Janeiro, Fernando; et al. 2016. Conhecimento, Responsabilidade, Visão e Futuro: bases programáticas da Lista F para o 3.º mandato do Conselho Geral da Universidade de Évora 2016-20. http://hdl.handle.net/10174/21246.
Tese / Dissertação
  1. Damas, Fátima Alexandra Batista. 2019. "Nasceu uma mãe! viver o pós-parto a sorrir". Dissertação de Mestrado. http://hdl.handle.net/10174/25504.
  2. Ramos, Ana Cristina Rodrigues Nunes. 2016. "Contributo do reiki no bem-estar do recém-nascido com cólicas abdominais". Dissertação de Mestrado. http://hdl.handle.net/10174/19469.
  3. Frias, Ana Maria Aguiar. 2009. "Fazer um ser pelo nascer! A influência do método psicoprofiláctico na preparação para o nascimento". Tese de Doutoramento. http://hdl.handle.net/10174/11116.
  4. Frias, Ana Maria Aguiar. 2004. "Crescer aqui! Abordagem do duplo padrão e das atitudes contraceptivas nos adolescentes em contexto ecológico". Tese de Doutoramento. http://hdl.handle.net/10174/14611.

Outros

Outra produção
  1. Frias, Ana; Sim-Sim, Margarida; Barros, Luz; Chora, Maria; Oliveira, Natália; Pontes, Ana; Leão, Rita. 2019. Knowledge of visitors to Feira S. João about HIV-AIDS. Introduction: Knowledge about HIV infection is studied in different settings. Most of them formal contexts, like students of compulsory schooling, higher education, among health professionals in different cultures or considering affective-sexual relationships. However, popular party contexts provide experiences and contacts and knowledge must flow, in order to prevent sexual risks diseases. As muc. https://doi.org/10.1093/eurpub/ckz096.004.
    https://doi.org/10.1093/eurpub/ckz096.004
  2. Galhanas, Ana; Mourão, Célia; Bugalho, Olga; Frias, Ana. 2018. Impacto dos desconfortos da gravidez na qualidade de vida da Mulher. Apesar da gravidez ser um fenómeno biologicamente normal, acarreta profundas alterações e reestruturações a nível físico e a nível das estruturas internas. Com o decorrer da gravidez, todos os sistemas orgânicos da mulher vão sofrer mudanças e adaptações, resultantes de um conjunto de alterações hormonais, que lhe permitirão acolher, nutrir e suportar uma nova vida. As alterações fisiologicas e ps. http://hdl.handle.net/10174/25861.
  3. Santos, Antônia; Gomes, Neusa; Frias, Ana. 2018. A importância do enfermeiro especialista em saúde materna e obstetrícia no cuidar da mãe e do bebé. O puerpério, tempo de seis a oito semanas após o parto, didaticamente, pode ser dividido em três períodos, sendo: imediato, tardio e remoto. Neste período ocorrem modificações importantes na mulher, tanto internas com externas. Assim sendo, é imprescindível a continuação do cuidado ao período puerperal, onde a mulher vista de maneira holística, em sua singularidade, contexto sociocultural e famili. http://hdl.handle.net/10174/25872.
  4. Gomes, Sara; Frias, Ana. 2018. Ervas Medicinais na Gravidez. O uso de ervas medicinais é considerado a primeira medicina conhecida da humanidade, que tem as suas raízes nas tradições dos antigos povos, desde a babilónia aos greco-romanos (Nunes, 2005). Usada em todo o mundo e visto a crescente taxa de emigração, é cada vez mais recorrente o uso das ervas medicinais pela população em geral, também o progressivo interesse sobre estilo de vida saudável e o ace. http://hdl.handle.net/10174/25810.
  5. Arruda, Sara; Frias, Ana. 2018. Papel do Enfermeiro Especialista em Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia na Prevenção do Parto Pré-Termo. É cada vez maior o número de partos pré-termo nos dias que correm. De acordo com o instituto nacional de estatística (INE) entre 2002 e 2007, verificou-se um aumento da percentagem de nados vivos prematuros (com menos de 37semanas de gestação), tendo aumentado de 6,4% em 2002 para 9,1% em 2007 em Portugal. Em 2005 nasceram em Portugal 109 399 nados vivos, dos quais 6,6 % (7260) foram prematuros (i. http://hdl.handle.net/10174/25852.
  6. Agostinho, Cláudia; Frias, Ana. 2018. Ocitocina, uma hormona amiga da amamentação. Numa sociedade que se rege pela Organização Mundial de Saúde, que preconiza a amamentação exclusiva até aos 6 meses, continuando até aos 12 com alimentação complementar, e que deve ir até no mínimo aos 24 meses de idade da criança (Bueno, 2013; OMS, 2001), ainda nos deparamos com informações que nos levam a não fazer cumprir estas indicações, mesmo sendo esta a nossa vontade. Actualmente, com a po. http://hdl.handle.net/10174/25871.
  7. Frias, Ana; Sim-Sim, Margarida; Barros, Luz; Chora, Maria; Silva, Gertrudes; Oliveira, Natália. 2017. Conhecer e Prevenir o VIH/SIDA. Em Portugal no ano de 2015, foram diagnosticados 990 novos casos de infeção por VIH, sendo a maioria dos diagnósticos em indivíduos com 15 ou mais anos(1). A nível mundial, registaram-se 2,1 milhões de novas infeções totalizando 36,7 milhões de pessoas que vivem com HIV em 2015(2). O contexto universitário, pelos relacionamentos e contactos que promove, bem como pelas dinâmicas que lhe estão asso. http://hdl.handle.net/10174/20965.
  8. Sim-Sim, Margarida; Barros, Maria; Frias, Ana; Zangão, Otilia; Nobre, Maria; Santinhos, Graça; Ambrosio, Luzia; Salgueiro, Elsa. 2017. Aleitamento Materno: perceção da puérpera quanto ao apoio dos significativos. Background: O aleitamento é um comportamento positivo pelas repercussões diretas que tem na mulher e na criança. Indiretamente há benefícios para a família e para a comunidade, reduzindo-se a degradação ambiental e melhorando-se a pegada ecológica (1). Como comportamento, necessita ser treinado e estimulado para que tenha eficácia(2). A mulher em fase puerperal decide sobre a alimentação do recém-. http://hdl.handle.net/10174/20935.
  9. Frias, Ana; Barros, Maria; Sim-Sim, Margarida; Chora, Maria; Silva, Gertrudes. 2016. Adaptation and validation of HIV Antibody Testing Attitude Scale in Portuguese. Introduction; The awareness of HIV positiveness is important for health of the individual and of the comunity. The identicatio of HIV antibodies is possible both using conventional lab tests and quick result tests. In the bibliography it was made clear that there are no instruments in Portuguese to assert the reactions to the HIV quick tests and it was therefore considered it would be useful to ad. http://www.elsevier.es/es-revista-atencion-primaria-27-articulo-oral-communications-X0212656716593638.
  10. Sim-Sim, Margarida; Frias, Ana; Barros, Maria; Ribeiro, Teresa. 2016. Announcing Motherhood. Introduction: Pregnancy is associated with experiences that integrated socio-cultural contexts of space and time, bring changes in family and/or maternal-fetal relationship. Parenthood is a generational task, and one of the most complex in humans. Aimo: To describe the construction of motherhood. Method: Cross-sectional qualitative study. We used the interview technique. Convenience sample of 10 p. http://www.elsevier.es/es-revista-atencion-primaria-27-articulo-symposiums-X021265671659362X.
  11. Frias,Ana Maria Aguiar; Sim-Sim,Maria Margarida Santana Fialho; Chora,Maria Antónia Fernandes Caeiro; Caldeira,Ermelinda do Carmo Valente. 2016. Adaptação e validação para português da HIV Antibody Testing Attitude Scale. Resumo Objetivo Adaptar culturalmente e validar uma versão em Português Europeu da HIV Antibody Testing Attitude Scale. Métodos Estudo referido a investigação metodológica, para adaptação e validação de instrumento de medida atitudinal. Realizou-se a tradução, retrotradução. Seguiu-se pré-teste. Amostra de 317 sujeitos que pertencendo à comunidade académica na qualidade de estudantes e funcionário. http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-21002016000100077.
  12. Frias, Ana.. 2015. A escrita cientifica e a divulgação do conhecimento cientifico. Introdução, Editorial.
  13. Frias, Ana; Chora, Antónia; Sim-Sim, Margarida; Palminhas, Edgar; Caldeira, Ermelinda; Casas Novas, Vitória. 2014. Projeto de Intervenção na Comunidade Académica: Uma Realidade. Introdução: Portugal, no contexto da Europa Ocidental, é o 3.º país com a mais elevada taxa de incidência por infeção VIH/SIDA [i.e. 13.5/100.000 hab.] (ECDC, 2012). Efeitos positivos são conseguidos através de parcerias jovens-adultos, dando voz aos mais novos, empoderando-os na prevenção (UNFPA, 2014). Nos países em desenvolvimento estes programas dirigidos à juventude são estratégicos para a s. http://hdl.handle.net/10174/13480.
  14. Festas, Constança; Amendoeira, José; Frias, Ana; Gemito, Laurência; Lourenço, Margarida; Magalhães, Dulce. 2014. Conceito do diagnóstico de enfermagem – Risco de queda. Revisão Integrativa da Literatura. Introdução: Desde 1973 que os diagnósticos de enfermagem (DE) desenvolvidos e aprovados pela NANDA têm sido objeto de revisão pelos mais variados métodos. A linha de investigação tem permitido validar os DE já existentes e em simultâneo reorganizá-los de forma sistemática, coerente e enquadrados concetualmente. Na edição 2012-2014, de entre os diagnósticos sem um registo de revisão está o DE risco. http://hdl.handle.net/10174/13704.
  15. Frias, Ana; Chora, Antónia; Sim-Sim, Margarida; Palminhas, Edgar; Caldeira, Ermelinda; Casas Novas, Vitória. 2014. Conhecimentos dos residentes do campus universitário de Évora sobre o VIH. Introduction: In Portugal the wider casuistry of HIV infection in the year of 2012 lies on the asymptomatic carriers and on the average age of 41 (DGS, 2013). If, sometimes, manifestations take a long time until the clinical diagnosis happens (Boyer & Kegeles, 1991), the contamination can be located in the youth years. To implement prevention campaigns it is necessary to know the recipients. Unive. http://hdl.handle.net/10174/13477.
  16. Frias, Ana; Chora, Antónia; Sim-Sim, Margarida; Palminhas, Edgar; Caldeira, Ermelinda; Casas-Novas, Vitória. 2014. Aconselhamento e Teste Voluntário (ATV) VIH: uma intervenção no Campus Universitário de Évora.. Introdução: Portugal continua a apresentar taxas de novos diagnósticos de infecção por VIH superiores à média europeia (ONUSIDA, 2012), registando um total acumulado de 42.580 casos de VIH a 31 Dezembro de 2012, dos quais 29,3% foram diagnosticados em idades entre os 20-29 anos (INSA, 2012). A transmissão por via sexual tem vindo a assumir um peso crescente nas novas infecções. O Aconselhamento e. http://hdl.handle.net/10174/13839.
  17. Frias, Ana; Palminhas, Edgar; Chora, Antonia; Caldeira, Ermelinda; Sim-SIm, Margarida; Casas Novas, Vitória. 2014. Rastreio VIH e sexo (in)seguro. Uma intervenção no Campus Universitário de Évora. Introdução: O Rastreio para VIH, na forma de Aconselhamento e Teste Voluntário (ATV), protege o individuo e potenciais parceiros, diminui comportamentos de risco, é reconhecido nas estratégias de prevenção (Fonner, Denison, Kennedy, O'Reilly, & Sweat, 2012). O ATV-VIH acontece em universidades estrangeiras (Hoban, Ottenritter, Gascoigne, & Kerr, 2003; Matlala, Mokono, & Tsotetsi, 2013; Peltzer, Nz. http://hdl.handle.net/10174/13858.
  18. Frias, Ana; Sim-Sim, Margarida; Pontes, Ana; Palminhas, Edgar; Caldeira, Ermelinda; Casas Novas, Vitória. 2014. Atitudes face ao uso de Preservativo Masculino em contexto de Festa Académica. Introdução: O percurso académico, além do ensino formal, possui momentos significativos pelo simbolismo de alguns eventos. A Receção aos Caloiros, representa a entrada num compartimento específico do saber e a Queima das Fitas, o atingir de competências para exercer uma Arte. Valorizadas por uns e menosprezadas por outros (Frias, 2003) a Praxe e as respetivas festividades levam a excessos, a alcoo. http://hdl.handle.net/10174/13866.
  19. Frias, Ana; Chora, Antónia; Caldeira, Ermelinda; Palminhas, Edgar; Sim-Sim, Margarida; Casa-Novas, Vitória. 2014. PROJETO CONHECER E PREVENIR O VIH: INTERVENÇÃO NA UNIVERSIDADE DE ÉVORA. Portugal, no contexto da Europa Ocidental, é o 3.º país com a mais elevada taxa de incidência por infeção VIH/SIDA [i.e. 13.5/100.000 hab.] (ECDC, 2012). O reconhecimento dos efeitos positivos conseguidos através de parcerias com jovens-adultos, dão voz aos mais novos, empoderando-os na prevenção (UNFPA, 2014). O projeto-piloto de intervenção por pares é uma parceria da Escola Superior de Enfermag. http://hdl.handle.net/10174/13688.
  20. Frias, Ana; Sim-Sim, Margarida; Chora, Antonia; Palminhas, Edgar; Caldeira, Ermelinda; Casas Novas, Vitória. 2014. Projeto Conhecer & Prevenir o VIH/SIDA Na Universidade de Évora. Relativamente as atividades planeadas e desenvolvidas no projeto em 2014, podemos referir que:. • Planeámos e concretizámos a formação de 2 bolsas de voluntários com o total de 30 estudantes – Objetivo alcançado • Planeámos e realizámos 12 ações dirigidas a público específico na Universidade de Évora (vários Polos da UÉ) e 2 ações na noite da queima das Fitas e na receção ao caloiro e 1 na Praça. http://hdl.handle.net/10174/13482.
  21. Frias, Ana; Silva, Sara. 2013. Via Verde Sépsis. Introdução: Defina-se sépsis como uma síndrome clínica sistémica aguda causada pela presença de bactérias, vírus ou fungos no sangue e correspondem a 22% dos internamentos em unidades de cuidados intensivos. O choque séptico constitui o quadro de maior gravidade na linha da sépsis e a sua taxa de mortalidade chega a atingir 51% (DGS, 2010). Objetivos: 1) Divulgar o Algoritmo Via Verde Sépsis (VVS). http://hdl.handle.net/10174/8639.
  22. Frias, Ana; Barriga, Liliana; Bica, Núria; Gomes, Anatilde; Matias, Filipa; Ricardo, Liliana. 2013. Abordagem ao Doente com Pneumotórax Hipertensivo. Introdução: Pneumotórax caracteriza-se pela acumulação de ar no espaço pleural, com colapso parcial ou total do pulmão. Divide-se em pneumotórax espontâneo e hipertensivo, exigindo uma intervenção imediata. O nosso trabalho irá incidir no último acimo referido. Objectivos: Reconhecer as principais manifestações clinicas, identificar as principais causas e referir tratamento terapêutico de eleição.. http://hdl.handle.net/10174/8635.
  23. Frias, Ana; Caramujo, Natércia; Santos, Cláudia; Mendes, André. 2013. Algaliação em serviço de urgência: Risco de infecção pela utilização desnecessária. Introdução: A Infeção do trato urinário (ITU) associada à algaliação é uma das Infeções associadas aos cuidados de saúde com grande impacto para o doente/família e para as instituições (Saint, 2000). O principal fator de risco para esta infeção é a utilização da algália e esta é, por vezes, indispensável na prestação de cuidados ao doente crítico. No entanto é importante saber se este procedimento. http://hdl.handle.net/10174/8636.
  24. Frias, Ana; Godinho, Carla; Silva, Sandra; Nunes, Inês. 2013. O Doente crítico: Quais as necessidades dos familiares. Introdução: Em unidades de cuidados ao doente crítico este é o foco do cuidado, sendo as necessidades dos familiares desconhecidas ou descuradas pela equipa de enfermagem. O adoecer de um familiar é um acontecimento stressante, angustiante, causador de ansiedade e por vezes também crises familiares. Assim, a família necessita de cuidados específicos adequados à situação que está a viver. É fundame. http://hdl.handle.net/10174/8641.
  25. Frias, Ana; Amaro, Pedro; Gois, Joaquim; Gornilho, Ana. 2013. Viatura Médica de Emergência e Reanimação: retrospetiva de um ano de atividade. Introdução: A Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) é um veículo de intervenção pré-hospitalar destinado ao transporte rápido de uma equipa ao local onde se encontra o doente. A sua equipa é constituída por um Médico e um Enfermeiro e dispõe de equipamento de Suporte Avançado de Vida. As VMER atuam na dependência direta dos CODU (Centro de Orientação de Doentes Urgentes), e têm base hos. http://hdl.handle.net/10174/8642.
  26. Barros, Maria da Luz; Frias, Ana. 2013. Tomada de decisão no parto por cesariana. Introdução: Atualmente, verifica-se um aumento das taxas de cesariana na maioria dos países desenvolvidos, com implicações no aumento da morbilidade materna e encargos financeiros em saúde. As distintas práticas do parto constituem nos dias atuais, um assunto complexo nos cuidados em obstetrícia. Em Portugal começam a surgir algumas preocupações, as estatísticas revelam a existência de um elevado. http://hdl.handle.net/10174/10321.
  27. Frias, Ana; Barros, Luz; Sim-Sim, Margarida. 2013. Adaptação à Parentalidade: Experiência do parto e o Bonding. A relação entre a mãe e o recém-nascido não surge de forma repentina, mas resulta de uma construção progressiva, elaborada ao longo da gravidez. O parto, e o modo como este é vivido, é também um momento relevante para a formação da relação mãe-bebé (klaus e Kennel 1992; Frias, 2011). Estando a mãe envolvida em todo o processo, o vinculo mãe/filho encontra-se fortalecido (Frias & Franco, 2008). Seg. http://hdl.handle.net/10174/8375.
  28. Frias, Ana; Amaro, Bruno; Santos, Sandra. 2013. Comunicação Enfermeiro-Família-Doente Crítico. Introdução: A comunicação é a base do relacionamento entre seres humanos, exigindo dos enfermeiros uma boa formação nesta área. Nas situações de emergência, a comunicação fica afetada por conta da própria situação, influenciando o doente/família/enfermeiro. O doente em estado crítico constitui uma situação particular, na qual a comunicação e interação com o meio se encontram comprometidos, seja po. http://hdl.handle.net/10174/8640.
  29. Frias, Ana; Pereira, Ana; Fortes, Isa. 2013. Arrefecimento pós-paragem Cardiorespiratorio: Uso da Hipotermia Terapéutica. Introdução: A nível mundial, a taxa de sobrevivência média extra-hospital por Paragem cardiorrespiratória (PCR) é apenas de 6%, sendo que aqueles que sobrevivem estão em risco de desenvolverem lesão neurológica. Apenas cerca de 20% dos sobreviventes de PCR permanecem em coma sem lesões neurológicas. Assim, os cuidados pós-PCR podem reduzir a mortalidade precoce devido à instabilidade hemodinâmica. http://hdl.handle.net/10174/8638.
  30. Grilo, Ana; Frias, Ana. 2013. Parto hospitalar!...outra perspetiva. Parto Hospitalar…Outra perspetiva! O parto tem um significado emocional fundamental na vida de uma mulher e deverá ser uma experiência encarada com serenidade e alegria (Kitzinger, 1995). O avanço na área da obstetrícia, visível nas últimas décadas, deveu-se muito à institucionalização do parto. Permitiu aos profissionais de saúde detetar e tratar complicações nas grávidas e puérperas, de tal for. http://hdl.handle.net/10174/10157.
  31. Sim-Sim, Margarida; Barros, Maria da Luz; Frias, Ana; Martins, Maria Antónia. 2013. Visita Domiciliária e Competências Maternais no Puerpério: Revisão Integrativa. Introdução: O conceito de puerpério tem por fundamento a recuperação da mulher após o parto e é identificado com um limite superior de 6 semanas ou 40 dias ou 42 dias (Centeno, 2010; Fraser, 2010). Nesta fase colocam-se modificações que incluem a capacidade de auto-cuidar-se, de interpretar e responder com sucesso aos sinais da criança (Copeland & Harbaugh, 2004). A Visita Domiciliária (DGS, 2005. http://hdl.handle.net/10174/8373.
  32. Frias, Ana; Grou, Bruno; Monteiro, Márcia. 2012. Limpeza das Vias Aéreas na Doença Neuromuscular: cough-assist como mecanismo facilitador da limpeza das vias aéreas na doença neuromuscular. Um dos maiores receios dos indivíduos com Doença Neuromuscular (DNM) é adquirir uma infeção respiratória. A mesma é mal tolerada por não apresentarem adequados mecanismos fisiológicos de limpeza das vias aéreas (movimento ciliar e tosse), podendo levar a pneumonia bacteriana, falência respiratória e, até mesmo, à morte1,2. Esta situação agrava-se ao conduzir o indivíduo ao internamento3, estando r. http://hdl.handle.net/10174/7416.
  33. Frias, Ana; Rodrigues, Liliana; Pavia, Patrícia. 2012. Os benefícios do recrutamento alveolar nos doentes submetidos a cirurgia cardíaca. As complicações pulmonares resultantes da anestesia, trauma cirúrgico e circulação extracorpórea são muito frequentes em doentes submetidos a cirurgia cardíaca, sendo a atelectasia e a hipoxia duas das complicações mais comuns. A atuação do enfermeiro especialista de reabilitação assume um papel preponderante na execução de técnicas para melhorar a mecânica respiratória e reexpansão pulmonar, send. http://hdl.handle.net/10174/7706.
  34. Fernandes, Ana; Frias, Ana; Alvito, Luis. 2012. Escalas de Avaliação da Dispneia. Dispneia de acordo com a American Thoracic Society é um termo usado para caracterizar a experiência subjetiva de desconforto respiratório que consiste em sensações qualitativamente distintas, variáveis na sua intensidade. A dispneia é bastante difícil de ser avaliar face à sua subjetividade e à forma como é percecionada pelo doente. Objetivo: Identificar quais as escalas mais utilizadas na avaliaç. http://hdl.handle.net/10174/7366.
  35. Frias, Ana; Ganito, Cátia; Rodrigues, Luís; Solas, Rita; Calado, Sandra; Prior, Vilma. 2011. Reabilitar no Derrame Pleural. Introdução: O derrame pleural, segundo Scanlan, Wilkins e Stoller (2000) é qualquer quantidade anormal de líquido no espaço pleural. Schaffler e Menche (2004) afirmam que os principais sintomas de um derrame pleural, são a dispneia e a dor torácica, que se agrava com a respiração. No entanto, em derrames pleurais que se instalam lentamente, não existe sintomatologia por um longo período de tempo.. http://hdl.handle.net/10174/4653.
  36. Frias, Ana; Carochinho, Maria; Mota, Anabela; Romão, Célia; Bezerra, Jose; Rainho, Nélio. 2011. Um Alento no Cuidar. O cuidador informal é cada vez mais um elo fundamental no contexto da continuidade dos cuidados. Esta realidade é um desafio social, político e das redes de cuidados formais, como estrategas na formação do cuidador informal e coordenação no processo de adaptação à pessoa dependente, com vista à melhoria da sua qualidade de vida. A prestação informal dos cuidados tem, como consequência, um crescent. http://hdl.handle.net/10174/4490.
  37. Frias, Ana; Rita, Milene; Mourão, Sara; Garcia, Teresa; Basílio, Vera. 2011. Um Olhar Crítico. As Unidades de Cuidados Intensivos são serviços diferenciados, aptas para o tratamento e vigilância da pessoa em situação crítica, que comporta uma alteração multisistémica, requerendo, maioritariamente, a necessidade de conexão a prótese ventilatória, propiciando a imobilidade prolongada que conduz a maior número de dias de internamento, encarecendo os custos associados. A necessidade de um enfer. http://hdl.handle.net/10174/4638.
  38. Frias, Ana. 2011. A dor do trabalho de parto...como ultrapassar?. A dor do trabalho de parto é um dos maior desafios da vida da mulher. Existe várias estratégias não farmacológicas do alivio da dor, entre as quais salientamos a Preparação psicoprofilática para o parto. A realização deste estudo aponta a existência de várias vantagens/benefícios da Preparação para o Nascimento, pelo método Psicoprofiláctico, nomeadamente na variável Dor, verificando-se nas mulher. http://hdl.handle.net/10174/4616.
  39. Frias, Ana. 2011. Preparação Psicoprofiláctica e a Percepção da Experiência do Nascimento. Neste estudo, abordamos a gravidez e o parto sob o ponto de vista fisiológico, psicológico e sociocultural, sendo o objecto do estudo a Preparação Psicoprofiláctica para o Nascimento. Esta investigação de natureza quantitativa, de carácter exploratório e descritivo-correlacional, tem como objectivo conhecer a influência do Método Psicoprofiláctico na percepção da experiência vivida durante o traba. http://hdl.handle.net/10174/4599.
Atividades

Apresentação oral de trabalho

Título da apresentação Nome do evento
Anfitrião (Local do evento)
2019 Conhecimentos sobre VIH dos visitantes da Feira de S. João. Congresso Internacional em literacia para a saúde: Paradigmas e Saberes em contextos “diversos
Politécnico de Santarém
2018 Prevenir o VIH: Contributos na comunidade académica V Coloquio Luso-Brasileiro sobre Saúde, Educação e Representações Sociais (CLBSERS) e X Fórum Internacional de Saúde, Envelhecimento e representações Sociais
universidade de Évora (Portugal)
2013 Comportamentos de Risco: o que sabemos e o que fazemos I World Congress of Children and youth health behaviors
Escola Superior de Saúde de Viseu (Viseu, Portugal)
2013 Adolescents sexual practices I World Congress Of Children and Youth health Behaviors
Escola Superior de Saúde De Viseu (Viseu, Portugal)
2013 HIV/AIDS Prevention: Intervention Project Of The Higher School Of Nursing. University Of Évora (ESESJD/UÉ) I World Congress Of Children and Youth health Behaviors
Escola Superior de Saúde de Viseu (Viseu, Portugal)
2013 Educate For Birth I World Congress Of Children and Youth health Behaviors
Escola Superior de Saúde de Viseu (Viseu, Portugal)
2013 Pre-natal Aquatic Preparation I World Congress Of Children and Youth health Behaviors
Escola Superior de Saúde de Viseu (Viseu, Portugal)
2013 Concepção, Abordagens, Experiências no curso, satisfação e sucesso académico em estudantes do 1.º ano do curso de licenciatura em Enfermagem. Learning and Teaching in Higher Education & Learning Orchestration in Higher Education,
Universidade de Évora
2012 Adaptação à parentalidade I jornadas de Enfermagem em saúde materna e Obstetrícia da região autónoma da Madeira
(Funchal, Portugal)
2012 Educar para aliviar a dor III Congresso de Investigação em enfermagem Ibero Americano e de países de língua Portuguesa
Escola Superior de Coimbra (Coimbra, Portugal)
2012 Controlo da dor do trabalho de parto em Primiparas III Congresso de Investigação em enfermagem Ibero Americano e de países de língua Portuguesa
Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (Coimbra, Portugal)
2012 Arrefecimento Pós-paragem Cardiorespiratória: o Uso da Hipotermia Terapéutica 11.ª Conferencia Internacional de Representações sociais
Universidade de Évora e Centro de Investigação em Representações sociais (Évora, Portugal)
2011 Preparação Psicoprofilática para o nascimento: momentos de partilho de saber e saber fazer
Universidade de Évora/departamento de psicologia (Évora, Portugal)
2011 A dor do Trabalho de Parto...Como Ultrapassar III Jornadas de Saúde Materna da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa
ESEL (Lisboa, Portugal)
2011 Preparação Psicoprofilática e a percepção da experiência do Nascimento XVII Congresso Internacional de Psicologia da infancia y de la adolescencia
INFAD (Roma, Itália)
2011 PES- Projeto de Educação para a Saúde Encontro de Boas práticas em educação para a Saúde
Direcção regional de Educação (Évora, Brasil)
2011 Um Olhar Crítico Jornadas de Enfermagem em Cuidados Intensivos
Hospital de Faro (Faro, Portugal)
2010 Educar para a saúde II semana de Educação e psicologia da Universidade de Évora
Universidade de Évora (Évora, Portugal)
2010 Vinculação e Parentalidade I jornadas internacionais de saúde materna
Universidade de Évora/ escola superior de Enfermagem S. João de Deus (Évora, Portugal)
2010 A dor do trabalho de parto: Um desafio a ultrapassar Congresso Internacional de Psicologia da infancia y de la adolescencia
INFAD (Zamora, Espanha)
2010 Preparação psicoprofilática para o nascimento!...um contributo para a maternidade do sec XXI I jornadas Internacionais de saúde Materna
ESESJD (Évora, Portugal)
2009 Visibilidade do Enfermeiro na Comunidade Jornadas da Identidade e percursos profissionais dos enfermeiros
ESESJD (Évora, Portugal)
2008 Percepção da experiência de parto e envolvimento da mãe com o recém-nascido Congresso Internacional de Psicologia da infancia y de la adolescencia
INFAD (Évora, Portugal)
2008 O desafio da dor no processo do nascimento Congresso Internacional de Psicologia da infancia y de la adolescencia
INFAD (Évora, Portugal)
2007 Preparação Psicoprofilática para o parto e o nascimento do bebé Congresso Internacional de Psicologia da infancia y de la adolescencia
INFAD (Pontevedra, Espanha)
2002 Um ano de Experiência do Gabinete de Apoio ao adolescente II encontro Nacional de promoção e educação para a saúde
Instituto Politécnico de Beja (Beja , Portugal)
2002 Gabinete de Apoio ao Adolescente II encontro de Enfermagem Comunitária da sub região de saúde de Évora
ARS alentejo (vendas Novas, Portugal)
2000 Realidade do serviço de Obstetrícia do Hospital do espírito santo - Évora I jornadas de saúde materna e Obstétrica
Hospital de Beja (Beja, Portugal)
2000 Importância do Método Psicoprofilático no Nascimento I jornadas de Saúde Materna e Obstétricia
Hospital de Beja (Évora, Portugal)
1999 Experiência de Preparação Psicoprofilática para o Parto Encontro da Associação Portuguesa dos enfermeiros Obstetras
Associação Portuguesa de Enfermeiros Obstetras (Évora, Portugal)
1996 Comunicação entre equipas II jornadas de Enfermagem Cirurgica do Hospital distrital de èvora
hospital de évora (Évora, Portugal)
1993 A realidade das condições de trabalho no Bloco operatório do Hospital distrital de èvora I jornadas da AESOP
Associação de enfermeiros da sala de operações portugueses (Lisboa, Portugal)

Orientação

Título / Tema
Papel desempenhado
Curso (Tipo)
Instituição / Organização
2013 - Atual Gabinete de Apoio à Puerpera/casal
2013 - Atual Gabinete de Apoio à Parentalidade
2012 - Atual Preparação Aquática Pré Natal
2012 - Atual Gabinete de Apoio à Nova Família
2012 - Atual Empowerment Parental Pós-Natal
2010 - Atual Gestão da Dor: Estratégias de Alívio da Dor em Grávidas a Induzir o Parto
2010 - Atual Intervenção de Enfermagem na Gestão Ativa do 3.º Estadio do Trabalho de Parto. 2010;
2017 - 2019/02 Nasceu uma mãe! Viver o pós-parto a sorrir!
Orientador
Mestrado em Enfermagem de Saúde Materna e Obstétrica (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2016 - 2017 Plano de Parto, uma forma Consciente de Nascer
Orientador
Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia (Mestrado)
Universidade de Évora Escola Superior de Enfermagem de São João de Deus, Portugal
2015 - 2016 O Reiki para cuidar de quem cuida
Orientador
Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia (Mestrado)
Universidade de Évora Escola Superior de Enfermagem de São João de Deus, Portugal
2015 - 2016 Contributo do Reiki no Bem-Estar do Recém-Nascido com cólicas Abdominais
Orientador
Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia (Mestrado)
Universidade de Évora Escola Superior de Enfermagem de São João de Deus, Portugal
2014 - 2015 Síndrome Metabólica no Envelhecimento Humano-Uma Pesquisa de campo em Évora- Portugal e a interface com o que ocorre no Brasil. Í
Coorientador
Pos Doutoramento em Enfermagem (Outra)
Universidade Federal de Viçosa, Brasil
2014 - 2014 Parto hospitalar... Outra perspetiva Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia (Mestrado)
Universidade de Évora Escola Superior de Enfermagem de São João de Deus, Portugal

Organização de evento

Nome do evento
Tipo de evento (Tipo de participação)
Instituição / Organização
2015 - 2015 6.o Encontro Nacional de Enfermagem Em Pediatria
2012 - 2012 11.ª Conferencia Internacional de Representações sociais. III Coloquio Luso Brasileiro sobre Saúde, educação e representações sociais, Universidade de Évora e centro de Investigação em Representações sociais - Brasil, Portugal
2008 - 2008 I encontro Luso Brasileiro " saúde, Educação e representações sociais Universidade de Évora e Centro de Investigação em representações sociais- Brasil, Portugal
2008 - 2008 Workshops "Preparação Psicoprofilática para o parto" Universidade de Évora, Portugal
2008 - 2008 Workshops "O desafio da Parentalidade" Universidade de Évora/Departamento de Pedagogia e de Psicologia, Portugal
2005 - 2005 Prémio Wyeth Ordem dos Enfermeiros, Portugal
2000 - 2000 II encontro de Enfermagem Comunitária da sub região de saúde de Évora Sub região de saúde de Évora, Portugal

Júri de grau académico

Tema
Tipo de participação
Nome do candidato (Tipo de grau)
Instituição / Organização
2018/12 Preparação para o nascimento - a sua influência no trabalho de parto e parto
Presidente do júri
Andreia Sofia Aniceto Nobre (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2018 Estímulos Sensoriais no Trabalho de Parto: Contributo do Enfermeiro Especialista na Promoção de um ambiente tranquilo.
Arguente principal
Vanda (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
2017 Estudio de la demanda de atención en una equipo de salud Mental
Vogal
Maria Jesús Norberto Gamero (Doutoramento)
2017 Regresso a casa: Promoção do bem-estar da puérpera na experiência da maternidade.
Presidente do júri
Helena Isabel Chorão Bilo (Mestrado)
Instituto de Ciências da Terra, Portugal
2017 Empresa amiga do aleitamento Materno: desenvolvimento de candidatura
Arguente principal
Antónia martins (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2016 Factores Psicofisiológicos asociados al estrés de las prácticas clínicas externas en una muestra de estudiantes pregraduados de Enfermería
Arguente
Jorge Guerrero Martin (Doutoramento)
2016 Quando a morte antecede o nascimento: Atuação do EESMO na Assistência à Mulher que vivência uma Morte Fetal
Presidente do júri
Ana Maria Rodrigues Casalta Miranda (Mestrado)
2014 Expectativas Decisão e Vivências no Parto por Cesareana
Arguente principal
Maria da Luz Ferreira Barros (Doutoramento)
Universidade de Évora, Portugal
2014 Parto Normal/Natural Assistido: Projeto para assistência em Meio Intra-Hospitalar no HESE-EPE
Presidente do júri
Maria João Gouveia Alves Pimenta Marques (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2014 Hospital amigo dos Bebés: Desenvolvimento e Implementação dos passos 4 e 5 no HESE.EPE
Presidente do júri
Cláudia Alexandra Cana-Verde Saruga (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2014 Deambulação no trabalho de parto
Presidente do júri
Donzília Sulena Dias Marques Correia (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2013 Aleitamento Materno : Projecto de promoção no hospital de Santarém Ana Maria Violante Gomes Oliveira de carvalho (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2013 Promoção do desenvolvimento das competências parentais na prestação de cuidados de higiene e conforto ao RN Vanda Cristina Leal Pereira (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2013 Antecipação da experiencia de parto em primigestas e multigestas: a influencia de um curso de preparação para o parto e parentalidade Liana Cristina Brites Simões (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, Portugal
2013 Curso de preparação para o parto: Influencia na Antecipação da experiência de parto Rita Filomena da Silva Simões (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, Portugal
2013 Competência Cultural do Enfermeiro Especialista em Saúde Materna Obstétrica e Ginecológica ao Cuidar da Parturiente no Bloco de Partos Joana Isabel Madureira Bruno (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
2013 A intervenção não farmacológica no alivio da dor da parrturiente. Um cuidado Especializado de Enfermagem Daniel Monteiro Rodrigues (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
2013 Para Um hospital Amigo dos bebés Ana Sofia Martins Raposo Rainho (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2013 Visita Domiciliária no Puerperio Maria Ângela Baleizão Serranito (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2013 Boas Práticas No Aleitamento Materno Isabel dos Santos Nunes da Silva (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2013 Intervenção em mulheres com interrupção terapêutica da gravidez. Sandra Isabel Batista capuchos (Mestrado)
2013 Implementação da Consulta Prénatal Especializada nos Cuidados de Saúde Primários Cátia Sofia Cabrita Vieira (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2013 Aleitamento materno, Diagnostico da Situação e Medida promotora no Serviço de Obstetrícia do Hospital de Beja Maria Eugénia Elias Anastácio (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2013 A mulher/casal em Ameaça de parto pré-termo: Programa de Apoio Hospitalar Cristina Isabel Picado Galucho (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2013 Alta puerperal: Comunicação entre Cuidados de Saúde Diferenciados e Cuidados de Saúde Primários Telma Cristina Ramos Brissos (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2013 Criação da Página Web do Serviço de Obstetricia do Hospital Dr. Jose Maria Grande. Portalegre Pedro Miguel Pereira Costa (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2012 Posicionamento da utente no 2.º estadío do trabalho de parto Rosália Maria Gomes Marques (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2012 Criação do curso de Preparação para o Parto Claudia Patricia Picoto Oliveira (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012 Educação para a Saúde alimentar de crianças dos 7 aos 9 anos Catarina da Silva Lobato (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal
2012 A visita Guiada Pré-Natal Como Elemento Chave No Acolhimento da Grávida no Bloco de Partos Ana Emília Reis Silva Tiago (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012 Preparação Para a Parentalidade: Construção do Conhecimento e Auto Confiança do Casal Patricia Menezes Oliveira Duarte (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012 O Casal Grávido em contexto de Prematuridade:Cuidados de Proximidade Elsa Maria Bolseiro Da Silva Roça (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2012 Uma forma de cuidar das pessoas com sintomatologia depressiva
Presidente do júri
Ana Paula Ferro Colaço (Mestrado)
I jornadas Internacionais de Enfermagem da Universidade de Évora., Portugal
2011 Sexualidade saudável e responsável: a resposta à gravidez não desejada Elsa Margarida Cordas Borralho Salgueiro (Mestrado)
Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus- Universidade de Évora, Portugal
2011 Noções básicas da Criança em idade Escolar sobre suporte básico de vida Carla Cristina Salvaque Antas (Mestrado)
Universidade de Évora, Portugal

Arbitragem científica em revista

Nome da revista (ISSN) Editora
2018/01/20 - Atual RIASE Revista Ibero Americana de Saúde e Envelhecimento
2012/01/01 - Atual Referência
1911/10/11 - Atual Site Ciência Com todos centro de investigação e inovação em educação da escola superior de educação do porto
Atual Revista Ibero Americana de Saúde e Envelhecimento
Atual Cogitare
2004/01/01 - 2013/10/19 Enfermagem & sociedade Escola superior de Enfermagem

Curso / Disciplina lecionado

Disciplina Curso (Tipo) Instituição / Organização
2013/09 - Atual Anatomofisiologia II Licenciatura em Enfermagem (Licenciatura) Universidade de Évora, Portugal
2013/09 - Atual Anatomofisiologia II Licenciatura em Enfermagem (Licenciatura) Universidade de Évora, Portugal
2013/09 - Atual Embriologia Desenvolvimento e Evolução Licenciatura em Biologia Humana (Doutoramento) Universidade de Évora, Portugal
2013/09 - Atual Embriologia Desenvolvimento e Evolução Licenciatura em Biologia Humana (Doutoramento) Universidade de Évora, Portugal
2013/02 - 2013/07 Planeamento Familiar Licenciatura em Enfermagem (Licenciatura) Universidade de Évora, Portugal
2013/02 - 2013/07 Planeamento Familiar Licenciatura em Enfermagem (Licenciatura) Universidade de Évora, Portugal
2013/02 - 2013/07 Investigação em Enfermagem II Curso de Póslicenciatura de Especialização em Enfermagem Médico-Cirurgica (Diploma de especialização) Universidade de Évora, Portugal
2013/02 - 2013/07 Investigação em Enfermagem II Curso de Póslicenciatura de Especialização em Enfermagem Médico-Cirurgica (Diploma de especialização) Universidade de Évora, Portugal
2012/09 - 2013/01 Investigação em EnfermagemII Curso de Poslicenciatura de Especialização em Enfermagem de Reabilitração (Diploma de especialização) Universidade de Évora, Portugal
2012/09 - 2013/01 Investigação em Enfermagem II Curso de Poslicenciatura de Especialização em Enfermagem de Reabilitração (Diploma de especialização) Universidade de Évora, Portugal
2012/09 - 2013/01 Planeamento familiar Licenciatura em Enfermagem (Licenciatura) Universidade de Évora, Portugal
2012/09 - 2013/01 Planeamento familiar Licenciatura em Enfermagem (Licenciatura) Universidade de Évora, Portugal
2012 - 2012 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio) Nufor/UÉ, Portugal
2010 - 2010 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio) UÉ/ESESJD, Portugal
2010 - 2010 Atitudes e Comportamentos Sexuais do Adolescente Extensão e divulgação científica (Curso médio) Escola Secundária Rainha santa Isabel de Estremoz., Portugal
2009 - 2009 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio) Universidade de Évora, Portugal
2008 - 2008 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio) Universidade de Évora/ESESJD, Portugal
2007 - 2007 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio) Universidade de Évora/ ESESJD, Portugal
2006 - 2006 Curso de Preparação para o parto Aperfeiçoamento (Curso médio) IFE, Portugal
2006 - 2006 Curso de Preparação para o parto Aperfeiçoamento (Curso médio) IFE, Portugal
2006 - 2006 Curso de Urgências Obstétricas e neonatais Especialização (Curso médio) IFE, Portugal
2006 - 2006 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio)
2005 - 2005 curso de Preparação para o parto Aperfeiçoamento (Curso médio) IFE, Portugal
2005 - 2005 Curso de Urgências Obstétrica e neonatais Especialização (Curso médio) IFE, Portugal
2004 - 2004 Curso de Preparação para o parto Aperfeiçoamento (Curso médio)
2004 - 2004 Curso de Urgências Obstétricas e neonatais Especialização (Curso médio) IFE, Portugal
2004 - 2004 Curso Psicoprofilático de Preparação para o Nascimento Especialização (Curso médio) Escola superior de Enfermagem S. João de Deus, Portugal
2003 - 2003 curso de preparação para o parto Aperfeiçoamento (Curso médio) Instituto de formação em Enfermagem (IFE), Portugal
2003 - 2003 Curso de preparação para o parto Aperfeiçoamento (Curso médio)
2003 - 2003 Sexualidade do Adolescente Aperfeiçoamento (Curso médio) Administração Regional de Saúde de Portalegre, Portugal
2003 - 2003 Primeiros Socorros Extensão e divulgação científica (Curso médio) ARSAlentejo- Portel, Portugal
2002 - 2002 Curso de Puericultura Extensão e divulgação científica (Curso médio) Associação Terras Dentro, Portugal
2002 - 2002 Curso de Puericultura II Extensão e divulgação científica (Curso médio) Associação Terras Dentro, Portugal
2000 - 2000 I Curso de Formação em Saúde Materna e Obstétrica Aperfeiçoamento (Curso médio) Núcleo de Formação em Enfermagem - Hospital do Espírito Santo, Évora, Portugal

Entrevista / Programa (rádio / tv)

Programa Tema
2013/11/04 - 2013 Projeto VIH-Sida na Universidade de Évora Projeto VIH-sida Conhecer e prevenir o VIH na Universidade de Évora
2013/11/04 - 2013 Projeto VIH-SIDA: Comportamentos de Risco dos Jovens Projeto VIH
2005/09/19 - 2005 Gravidez na adolescência adolescência e gravidez
2005/09/12 - 2005 Maternidade/ Paternidade Competências Parentais

Membro de associação

Nome da associação Tipo de participação
2018/01 - Atual Associação de reformados, pensionistas e Idosos da Freguesia da Sr. da Saúde (ARPIFSS)
2008 - Atual Clube Universitário
2000 - Atual Ordem dos enfermeiros

Membro de comissão

Descrição da atividade
Tipo de participação
Instituição / Organização
2012/07 - Atual Membro da comissão de horários
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2011/01 - Atual Membro de Comissão de Curso da Licenciatura em Enfermagem
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2010/07 - Atual Membro da comissão de Curso de Mestrado em SMO
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2010/01 - Atual Membro de Comissão De curso de Mestrado
Membro
Departamento de Enfermagem da Mulher, Criança e Adolescente, Portugal
2007/04 - Atual Membro de Conselho Científico
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2008/02 - 2013/01 Membro do Conselho de Representantes da ESESJD
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2006/01 - 2010/12 Membro da Comissão de Concursos Especiais
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2003/07 - 2010/12 Membro da Comissão Pósgraduada do Curso de Especialização em Enfermagem de saúde materna e Obstetricia
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2009/06 - 2009/12 Membro de Comissões de Averiguações e inquerito
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2008/01 - 2009/06 Membro da Comissão de apreciação de Relatórios de assistentes
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2006/01 - 2009/01 Membro da comissão de transferencias e mudanças de curso
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2007/01 - 2008/12 Membro da comissão de auditores internos para certificação da qualidade
Membro
Universidade de Évora, Portugal
2004/01 - 2008/12 Membro de Conselho Editorial da Revista Saúde e Sociedade
Membro
Universidade de Évora, Portugal
Distinções

Outra distinção

2016 Prémio de Investigação em ReiKi
Associação Portuguesa de REiKI, Portugal
2016 Reiki Research Award
2013 1st poster prize presented "home visit and maternal skills in the puerperium"
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
2012 1.º Prémio de Posters "Visita Domiciliaria em Saúde Materna e Obstétrica"
Escola Superior de Enfermagem de Llisboa, Portugal
2011 3.º Prémio da Comunicação “A dor do trabalho de parto... Como ultrapassar?”
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
2011 1.º Prémio da comunicação “ Um Olhar Critico”.
Jornadas de Enfermagem em Cuidados Intensivos, Hospital de Faro, Portugal
2011 1.º Prémio de Posters Um Alento no Cuidar.
I jornadas Internacionais de Enfermagem da Universidade de Évora., Portugal
2011 1st prize of poster presented "a breath in the Care"
Universidade de Évora, Portugal
2011 1st prize of poster presented "A Critical Look"
Hospital de Faro, Portugal
2011 3rd prize of the communication "The pain of labor .... how to overcome
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal
2010 Louvor obtido no doutoramento em Psicologia. Universidade de Évora. 2010.
Universidade de Évora, Portugal
2010 Praise for the sessions / Lectures presented
2008 Praise for the sessions / Lectures presented
2003 Louvor pelo trabalho desempenhado no Centro de Saúde de Portel.
Administração Regional de Saúde do Alentejo (ARSA), Portugal
2003 Praise from the Évora Health Sub-Region for the work performed at the institution.
2002 Louvor- Responsável pelo Gabinete de Apoio ao Adolescente. pelo desempenho e elaboração do relátorio;
Direção Regional de Educação do Alentejo (DREA), Portugal
2001 Praise of the EB School when responsible for the GAA and elaboration of the report of the respective cabinet
2001 Praise for the collaboration during and in the partnerships with the Portel Health Center.